Airbus A330-200 da Kingfisher Airlines. (Foto: Kingfisher)

O CEO da Kingfisher Airlines,Vijay Mallya, anunciou que a companhia aérea da Índia começará a fazer parte da aliança global ‘oneworld’ o que permitirá oferecer a seus passageiros a chance de escolher os voos das companhias aéreas parceiras e vice-versa.

“O acordo foi concluído num encontro entre o CEO da Kingfisher Airlines, Vijay Mallya, e os presidentes das 11 companhias aéreas membros da aliança” informou um comunicado da companhia aérea.

A Kingfisher será a primeira companhia indiana na aliança global que inclui a American Airlines, British Airways e Finnair. Com cerca de 400 decolagens diárias, a Kingfisher trará para oneworld 58 novos destinos na Índia, melhorando a disponibilidade atual de rotas.

Incluindo com a Kingfisher, a oneworld possui aproximadamente 800 destinos em 150 países, para os quais a aliança opera com cerca de 2.350 aeronaves, efetuando cerca de 9.000 voos diários, transportando cerca de 340 milhões de passageiros por ano.

A data para o início das operações da Kingfisher na aliança será anunciado toridades de aviação da Índia aprovem a solicitação da Kingfisher.

“A Kingfisher Airlines solicitou hoje ao Minsitério da Aviação Civil da Índia para proceder com a autorização para essa entrada na aliança global,” disse a Kingfisher. Normalmente leva cerca de 18 meses para completar as formalidades da entrada na aliança, o que deve levar essa entrada da Kingfisher para 2011.

Anúncios