Um avião de ataque A-29 Super Tucano caiu durante um voo de treinamento parte do Experimento de Ataque Leve da USAF. (Imagem ilustrativa)

Uma aeronave Embraer/Sierra Nevada A-29 Super Tucano caiu aproximadamente às 11h30 da manhã (hora local), no Campo de Testes de Bombas de Red Rio, cerca de 100 km ao norte da Base Aérea de Holloman, Novo México, durante um voo de treinamento que fazia parte do Experimento de Ataque Leve (OA-X) da Força Aérea dos EUA (USAF), anunciou o serviço em um comunicado.

Um dos pilotos sofreu ferimentos leves e foi levado para um hospital local em um helicóptero, mas a condição do segundo piloto ainda é desconhecida, de acordo com o comunicado.

O acidente está atualmente sob investigação, e ainda nenhuma causa foi determinada.” disse o comunicado liberado pela 49ª Ala de Relações Públicas, sediada em Holloman.

O Campo de Testes de Bombas de Red Rio é uma instalação ativa da Força Aérea dos EUA (USAF) que engloba aproximadamente 196.000 acres no Campo de Testes de Misseis de White Sands.

O acidente teria causado o cancelamento do inicio da próxima fase do Experimento de Ataque Leve da USAF, que começou hoje na Base Aérea de Holloman, onde participam as aeronaves turboélices A-29 Super Tucano e AT-6 Wolverine, de acordo com o The Drive.

A USAF planeja tomar uma decisão sobre prosseguir com uma proposta para potencial compra de centenas de aeronaves de ataque leve depois de avaliar os dados coletados durante a segunda fase do experimento que ocorria desde o dia 7 de maio em Holloman.


Estamos buscando novas informações e divulgaremos assim que tivermos novos detalhes.

10 COMENTÁRIOS

  1. É uma pena. Espero que o segundo piloto tenha se safado também. Vamos aguardar as investigações. Já é o segundo que cai em solo americano não é? Mas creio que não irá tirar o brilho do A-29 e nem mudar o destino da Avaliação da USAF.

  2. Realmente uma pena. E quando isso acontece, para nós pobre mortais só resta a especulação. Falha de motor? Falha de comando? Não conseguiu recuperar de alguma manobra?

  3. Uma fatalidade! Tomara que não influencie nos resultados do OA-X!

  4. Infelizmente é um acidente que poderia acontecer com qualquer vetor. A USAF é uma arma aérea profissional que já conhece muito bem o A-29 desde o programa LAS é mais importante do que isso está assistindo a excelente performance dele com a Força aérea afegã. Isso claro sem falar que já bastante tempo assistiram a atuação do aparelho contra as FARCS a serviço da Colômbia.

  5. espero que não prejudique a Embraer no programa oa-x. erro do piloto pode ser

  6. Muita calma nessa hora. O acidente pode ter sido provocado por muitas causas, tanto do avião, dos pilotos e até de fatores externos. O A-29 tem um índice de queda muito baixo. Já foi testado em todos os cenarios de guerra e sempre se saiu muito bem. O bom e que os dois pilotos conseguiram sobreviver. Só me preocupa uma sabotagem de alguém interessado que o ST não ganhe essa concorrencia. Vamos aguardar.

Comments are closed.