Um helicóptero Alouette III da Força Aérea Portuguesa. (Foto: EMFA)

Um helicóptero Alouette III da Força Aérea Portuguesa (FAP) sofreu vários danos materiais após um pouso com impacto muito forte na segunda-feira, dia 29 de janeiro, na localidade de Selmes, a cerca de 20 quilómetros de Beja, no Alentejo, sul de Portugal.

Um comunicado da FAP explica que o incidente ocorreu durante uma manobra de treinamento com o helicóptero, quando no pouso, o helicóptero tocou o solo com muita força. O helicóptero está baseado na Base Aérea de Beja Nº11. Os militares que estavam no helicóptero saíram ilesos.

A FAP disse que ainda não conseguiu avaliar a extensão dos danos, mas o helicóptero não tem condições de sair do local pelos seus meios e vai ter que ser retirado por via terrestre.

As causas do incidente “estão sob investigação”. O gabinete de Relações Públicas da Força Aérea Portuguesa esclarece que “este tipo de treinamento é efetuado em locais isolados”, e por isso não houve perigo para a população civil.

Portugal ainda possui oito helicópteros Alouette III, que entraram em serviço no ano de 1960, e que finalmente devem ser retirados de operação este ano.

Anúncios

4 COMENTÁRIOS

    • As guerras coloniais acabaram a muito tempo, um piloto desta época teria mais de 60 anos e estaria fazendo o que em um Alouette da FAP?

Comments are closed.