O helicóptero Esquilo que caiu hoje em Copacabana fotografado durante o combate a um incêndio no Morro dos Cabritos entre Copacabana e a Lagoa, no dia 20/6/2010. (Foto: Mauro Lins de Barros / Cavok)
O helicóptero Esquilo que caiu hoje em Copacabana, fotografado durante o combate a um incêndio no Morro dos Cabritos entre Copacabana e a Lagoa, no dia 20/6/2010. (Foto: Mauro Lins de Barros / Cavok)

Um helicóptero Esquilo do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro caiu na tarde desse sábado, dia 29 de dezembro, no mar da Praia de Copacabana.

O helicóptero que caiu é o HB-350 Esquilo “N°5” (prefixo PP-BRJ). Ele estava realizando um procedimento de salvamento de um banhista, quase em frente ao Posto 2, quando de acordo com um comunicado da assessoria de imprensa dos Bombeiros, através do subcomandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Ronaldo de Alcântara, o helicóptero teve perda de rotação, forçando o piloto a pousar no mar.

Os quatro tripulantes que estavam na aeronave foram resgatados, e sofreram apenas ferimentos leves, e foram levados para o Hospital do Corpo de Bombeiros.

Ainda segundo os bombeiros, o helicóptero será retirado da água ainda nesse sábado e levado para o Grupamento Marítimo dos Bombeiros, em Botafogo.

O Corpo de Bombeiros do Rio agora passa a contar com apenas dois helicópteros para as operações de salvamento.

Dica do amigo STadeu. Com informações do amigo carioca Mauro Lins de Barros e da assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro.

16 COMENTÁRIOS

  1. Além do mais, enquanto não forem apuradas as causas do sinistro a seguradora não paga a apólice…

  2. É o velho Arriel, mostrando a sua velha falta de confiabilidade.

    A tripulação já falou que vou queda de rotação no MOTOR não no rotor..

    Provavelmente se falhou algo fora o motor foi o governador.

    O cmte efetuou um pouso padrão, totalmente "by the book"!

    Parabéns pela frieza e velocidade de raciocínio.

Comments are closed.