eurofighter typhoon maneuver1 600x379 - Acordo Bombardier e Airbus poderá abrir caminho para o Eurofighter no Canadá?
O Canadá precisa substituir seus CF-18 Hornets e o Eurofighter poderia ser uma opção.

Funcionários da Airbus fizeram um discurso na terça-feira (24/10) em um fórum aeroespacial de Quebec, onde comentaram sobre uma possível compra canadense do Eurofighter Typhoon.

O presidente da Airbus Canada, Simon Jacques, assim como seus homólogos da Lockheed Martin Canada, pediu uma competição aberta e justa para a substituição dos caças CF-18 Hornets no Canadá.

“Nós temos um avião muito bom”, disse ele, referindo-se ao Typhoon. “Se o concurso chegar com critérios que são justos para todos – isto é, dizer que não importa a empresa – sendo aberto e justo, se for uma competição real, absolutamente temos a chance de vencer”.

Atualmente, a Airbus tem o contrato para fornecer a Real Força Aérea Canadense (RCAF) uma frota de novas aeronaves de busca e resgate, no programa FWSAR. Jacques observou que a Airbus está associada a várias empresas canadenses, como a CAE. Uma equipe canadense seria projetada para oferecer o Typhoon a RCAF, acrescentou.

Com a aquisição do CSeries da Bombardier pela Airbus, o consórcio europeu está agora em uma posição favorável para qualquer competição de caça, sugeriu o jornal Le Devoir, de Quebéc.

Mas Jacques recusou-se a comentar sobre o que pode vir devido ao acordo com a Bombardier.

7550650 600x325 - Acordo Bombardier e Airbus poderá abrir caminho para o Eurofighter no Canadá?As empresas aeroespaciais europeias, BAE Systems, Leonardo e Airbus são parceiras no programa Typhoon.

O Eurofighter Typhoon tornou-se a espinha dorsal das forças aéreas no Reino Unido, Alemanha, Itália, Espanha, Áustria e Arábia Saudita, apontaram as empresas.


Fonte: Ottawa Citizen

Anúncios

11 COMENTÁRIOS

  1. Sei não. O Typhoon tem tido problemas com custo operacional, com boa parte da frota dos países europeus nao operacional.

  2. Tomara que sim. O Defense Production Sharing Agreement não deve ser desculpa para "escravizar" as compras canadenses por nem mais um dia. 😀

  3. Seria uma virada a favor do Eurofighter, quem diria o Eurofighter e Rafale vendendo bem mundo afora, como o mundo da voltas.

  4. Hoje, com atual situação litigiosa entre os governos do Canadá e EUA, essa possibilidade está cada vez maior. Entretanto, ainda sim, pode sobrar uma ponta à SAAB e o Gripen E/F, como o Typhoon tem debilidades em algumas missões de ataque, o F-39 pode ser essa solução mais em conta, quem sabe.

  5. Não duvido o governo canadense ir de eurofighter só de prirraça, rs

  6. Se os canadenses reclamam do preço do F35, não faz sentido pegar o Rafale ou o Typhoon…

    O Canadá vai chorar, chorar, chorar e chorar…

    No fim vai pegar o SH ou o F35 ou os dois…

    Existe um negócio chamado NORAD lá, que voa muito com os russos sempre pentelhando a ADIZ deles e os custos dos aviões europeus são proibitivos.

Comments are closed.