O voo do Tributo a Bob Hoover, com as aeronaves as quais Bob Hoover voou: um caça F-86 Sabre, um T-39 Saberliner, um Shrike Commander e o P-51 Mustang. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

O segundo dia do maior show aéreo do mundo, o AirVenture 2011 foi excelente, com diversas aeronaves raras chegando no Wittman Regional Airport, incluindo a Super Fortaleza Voadora B-29 “Fifi”. Muito calor, muitas aeronaves e muitas fotos, sempre o ponto alto do evento anual de aviação, isso sem falar na impecável organização dos milhares de voluntários que todos anos organizam o AirVenture.

A chegada da Super Fortaleza Voadora Boeing B-29 "Fifi". (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

Para as celebrações do Centenário da Aviação Naval dos EUA, a Marinha dos EUA levou varias aeronaves, incluindo diversos F-18 com esquemas de cores especiais. O destaque do dia foi sem dúvida a B-29 “Fifi” e no final do dia o Tributo a Bob Hoover, num voo em formação com um F-86 Sabre, Shrike Commander, P-51 e Saberliner.

O caça F/A-18F Super Hornet da U.S. Navy com a especial e estranha pintura em comemoração ao Centenário da Aviação Naval dos EUA. (Foto: Fernando Valduga / Cavok)

Dentre os Warbirds, o destaque foi um Shorts Tucano particular e uma aeronave Hughes 500.

A matéria completa do evento será divulgada na semana após o evento. Na quarta-feira tivemos a chegada de mais aeronaves da Marinha dos EUA, do B737-700 da Southwest Airlines e do Airbus A320 da JetBlue, além de quatro caças F-5 da U.S. Navy.

Anúncios

33 COMENTÁRIOS

  1. Eee trem-bão… aguardando fotos do F-22 no lava-rápido, kkk!

    OFF: anunciaram que o PAK-FA vai estar na MAKS 2011

  2. alguem sabe qual é o ultimo da primeira fila?

    e o primeiro da penultima fila?

    nunca vi esses..

    • O último da primeira é um T-34 Mentor…

      o outro eu to pra saber tbm…. alguém ai?

      • "e o primeiro da penultima fila?"

        Tenco TT Pinto/AJI T-610 Super Pinto.

  3. Fernando Valduga disse:
    28/07/2011 às 4:46 PM
    Estaremos presentes no MAKS 2011 com dois colaboradores. Portanto, teremos varias fotos.

    Fernando:
    caso o PAK-FA seja exposto (e se for possível), peço que os colaboradores confirmem (ou não) com a Sukhoi se o caça em questão vai, de fato, usar geradores de plasma para incrementar sua furtividade.
    Seria uma controvérsia a menos sobre o novo vetor russo (claro que, se confirmado o uso, haverá toda uma controvérsia sobre a maturidade e eficiência dessa tecnologia).
    Grato.
    Abraço,
    Tales.

    • Aproveita e veja se os guardas vão estar armados com Sabres de Luz e se o canhão vai mesmo disparar torpedos de prótons…..

      desculpa mas não resisti….zuerinha heim….to na boa srsrsrsrrssrsrsr

      • Para constar..um Tu-160 teria adentrado o espaço aéreo dos EUA utilizando esta tecnologia (plasma).

        Em se tratando de tecnologias militares, seria interessante usar a máxima: "existe até que se prove o contrário".

        Abraço

        • adentrar um espaço aereo é facil, qualquer aviao faz isso, queria ver o tu-160 tentar chegar perto de uma base aerea americana sem ser detectado, e nao se esqueça do “pequeno´´´exagero dos blogs russoficos sobre o assunto.

        • entao se existir mesmo o escudo de plasma é bem provavel que o F35 venha com os lasers que seriam capazes de segar misseis IR e ECMs capazes de cegar radares inimigos completamente

        • Phacsantos disse:
          29/07/2011 às 3:23 PM
          "Para constar..um Tu-160 teria adentrado o espaço aéreo dos EUA utilizando esta tecnologia (plasma)."

          Tchê: tu terias um link ou a fonte da origem dessa informação? Gostaria de lê-la no original.
          Como eu disse, é controverso a maturidade e eficiência dessa tecnologia, mas é público que, no início dos anos noventa, os russos "alardearam" que haviam desenvolvido um "escudo de plasma".
          Considerando que LM desenvolveu o F-117 Nighthawk com base em um estudo acadêmico não-confidencial de um russo (Pyotr Ufimstev, matemático) sobre "refração e reflexação" de ondas de radar, eu não ficaria surpreso se as alegações russas procederem.
          Conhecimento e capacidade acadêmica para rivalizar com os EUA em tecnologia militar eles já demonstraram, em mais de uma oportunidade, que têm… Aliás, a Rússia continua sendo um dos poucos países que os EUA efetivamente respeitam (e temem)…
          Grato.
          Sauds.

          • eu ainda gostaria que me explicasse porque os russos gastaram bilhoes em um projeto de caça stealth se era so apertar o botaosinho do escudo de plasma, e sim concordo com vc, os EUA respeitam muito a russia, so queria ver eles respeitarem se ela nao tivesse bombas nucleares.

        • Bom, sobre a tecnologia plasma,é só especulação, mas segundo os russos, o sobrevoo realmente ocorreu, o que gerou investigação dos americanos.

          Divertido foi quando um Su-27 e um Su-24 sobrevoaram em rasante o Kitty Hawk(em manutenção), tiraram fotos e mandaram para os americanos pela Internet. Dizem que foi como no filme Topgun, o comandante ficou furioso e mandou decolar a única aeronave disponível no momento: um EA-6B Prowler…

      • Vinicius Modolo:
        uma TV de plasma é mais furtiva que uma de tubo de raios catódicos???

        • Bom….

          Considerando que uma tv de plasma tem uma seção reta de radar muito menor do que um de "tubo" ela é sim mais furtiva….isso se considerando a sua lateral….que tem até 10cm de espessura….já a seção frontal é minimizada pelo efeito do plasma no ar da camada limite que afronta o seu avanço….reduzindo incrozive…o seu arrasto areodinânimo pelo aquecimento do ar….

          • Nota….tomei 10 skol com um amigo antes de fazer esse post, e também comi um joelho de porco no bar do cidão…Recomendo

          • Acho melhor o Fernando voltar logo, aqui já caiu o Ministro da Defesa..

            O Novo Ministro já esta mandando colocar plasma nos F-5 M, e canhões de prótons.. que vão substituir os canhões neutrons… rsrsrs

    • se fala dessa tecnologia de plasma ha anos e nunca se confirmou, e se ela existisse de verdade os russos nao gastariam bilhoes em uma caça com linhas furtivas e nem intupiria ele de materiais RAM, colocaria o escudo de plasma no su-27 mesmo

      • Pelo que foi publicado na RFA, somente existiriam geradores de plasma em frente à entrada dos bocais das turbinas (um da cada lado).

        Como é consabido, uma das partes de maior retorno das ondas de um radar sobre um avião (RCS) é justamente a entrada de ar das turbinas, por causa da exposição das palhetas do fan (ventilador) do motor. Daí pq a entrada de ar da turbina do F-117 era escondida por um anteparo em formato de "grelha", coberto por RAM, assim como as entradas de ar das turbinas do F-22 tem formato de "S" (para esconder o fan).

        Como é tbm é sabido, o plasma é facilmente detectável no espectro IR, daí porque, de repente, eles limitaram o uso dessa tecnologia às partes com maior RCS da aeronave.

  4. Belíssima cobertura pra variar. Poxa Valduga que inveja. Como gostaria de estar aí. Abraço a todos.

  5. Fernado, parabéns pelo blog! Conheci agora, mto bom mesmo!! Aproveite Osh2011 !!! Abs !

  6. Furtividade ativa é o uso de plasma ou gás ionizado como anunciado pelos russos. A energia do radar não penetra no plasma e nem é refletida. O sistema russo pesa cerca de 100kg e gasta 1-10kW de energia sendo instalado em pontos chaves da aeronave. Os russos citam que diminui em 100 vezes o RCS. O problema é que o plasma emite muito no espectro infravermelho e não respeita um dos princípios da furtividade que é o balanceamento de assinatura. A aeronave poderá ser facilmente detectada pelos sensores IR. Por outro lado pode ser útil temporariamente contra mísseis .
    http://sistemadearmas.sites.uol.com.br/ge/furt03r

    • O Grande problema do plasma é que furtivamente pode aparecer o datena ou o ratinho.. rsrsrs

Comments are closed.