A Alemanha iniciou uma competição para substituir sua frota de helicópteros CH-53G Stallion. (Imagem ilustrativa)

A Alemanha aprovou planos para adquirir até 60 novos helicópteros de transporte pesado, iniciando uma competição entre os dois maiores fabricantes dos EUA pelo contrato no valor de quase US$ 4,72 bilhões, disse uma fonte militar à Reuters.

A Lockheed Martin oferecerá o seu enorme helicóptero CH-53K King Stallion, enquanto a Boeing vai procurar vender seu helicóptero CH-47 Chinook.

O general Volker Wieker, chefe de gabinete da Bundeswehr alemã, assinou o documento que inicia o processo de licitação do contrato na quinta-feira. “Nenhuma decisão foi tomada sobre um modelo preferido“, disse a fonte.

O Ministério da Defesa alemão espera emitir um pedido de informações no segundo semestre de 2018 após completar um estudo de capacidade de frota, com um contrato sendo concedido em meados de 2020.

As entregas iniciais começariam em 2023, substituindo a frota de helicópteros CH-53G Stallion da Alemanha, disse a fonte.


FONTE: Reuters

Anúncios

9 COMENTÁRIOS

    • Quem é louco de comprar o trimotor CH-53K?
      CH-47F: Payload: 10,886 kg e usa 2 × Lycoming T55-GA-714A turboshaft, 4,733 shp cada.
      CH-53K: Payload: 15,900 kg e usa 3 × General Electric GE38-1B turboshaft, 7,500 shp cada.

      • Sem falar o preço. Um King está custando o mesmo que um Lightining II. O King não faz muito mais do que pode fazer um Chinook, então não faz sentido optar pelo helicóptero da Lockheed Martin (antiga Sikorsky).

  1. Acho que o CH-53K sai na frente dessa competição. A Alemanha já é usuária de sua versão CH-53G (que é a versão a ser substituída), seria mais simples do ponto de vista operacional continuar com a família CH-53. Já o Chinook seria uma aeronave com valores de operação e manutenção mais em conta. Será uma decisão interessante, seja lá quem vença está competição, os alemães estarão muito bem servidos.

    • O problema é que o novo CH-53K seguindo exigencias dos USMC saiu muito exagerado com 3 motores GE 38-1B de 7.500 shp cada enquanto a maioria dos SH-53G alemães usam 2 General Electric T64-GE-7 de 3876 shp cada.
      Esta diferença absurda faz do CH-53K uma máquina poderosa para os EUA, mas com difíceis exportações.
      E hoje o helicoptero pesado ocidental para uso de um Exército é o CH-47F.

  2. Um país da União Européia não vai comprar helicóptero da Airbus?

Comments are closed.