Jato IA-63 Pampa III.

Nesta terça-feira, o ministro da Defesa da Argentina, Oscar Aguad, se encontrará com seu colega guatemalteco, Luis Miguel Roldán Moreno, para finalizar a venda de dois aviões IA-63 Pampa III para o país centro-americano.

A operação realizada com a Fábrica Argentina de Aviones (Fadea) está avaliada em US$ 28 milhões e marca a primeira transação para o exterior nesta nova versão do jato de treinamento/ataque leve.

Roldán assinará o acordo na quarta-feira com o presidente da FAdeA, Antonio Beltramone, em uma visita em que também contará com a presença de Mauricio Macri.

Os guatemaltecos adquirem esta aeronave para treinamento avançado e fiscalização de fronteira. O valor que eles vão pagar também inclui um lote de peças de reposição, treinamento de pilotos e suporte inicial.

Os Pampas III foram construídos inteiramente em Córdoba. Essas aeronaves foram projetadas no início dos anos 80, mas o modelo foi atualizado com a integração de tecnologia de ponta.

A venda foi concretizada depois que se soube que Israel se opõe a outra operação de venda para a Bolívia do Pampa III. Acontece que através dos acordos de gás que foram renegociados com La Paz, a FAdeA quer colocar um avião como parte do pagamento no país que Evo Morales governa.

Anúncios