A segunda reunião de ex-pilotos de caça americanos e vietnamitas ocorreu em San Diego esta semana. O tenente-general Nguyen Duc Soat e o seu colega aposentado Nguyen Van Bay estiveram entre os participantes.

Iniciado na manhã da ultima quinta-feira (21), a reunião nomeada “From Dogfights to Detente” (da briga de cães a calmaria, em tradução livre) reúne dezenas de pilotos da Marinha, Fuzileiros e Força Aérea dos EUA e uma dúzia de inimigos nos céus do Vietnã.

Eles passaram a maior parte do dia relembrando suas batalhas, com vencidos e vencedores lado a lado.

Uma reunião semelhante ocorreu no Vietnã no ano passado, com a presença de 11 pilotos norte-americanos. O evento é uma criação do agora aposentado aviador naval de F-4 coronel Charlie “Shark” Tutt e do tenente-general Nguyen Duc Soat da Força Aérea Popular do Vietnã. Soat é um ex-piloto de MiG-21 e um Ás da guerra, com seis vitórias confirmadas. Ele chamou seus antigos inimigos de irmãos.

A menor cela do mundo está bem entre os seus ouvidos“, disse o capitão da Marinha aposentado, Jack “Fingers” Ensch, ex-piloto de F-4 Phantom que foi derrubado no Vietnã do Norte no dia 25 de agosto de 1972. “Se você continuar odiando, só você vai odiar. Eles nem sabem que você está pensando em odiá-los ou algo assim. Eles continuam com suas vidas. Se você ainda fizer isso, você ainda estará na prisão“.

Ensch sabe algo sobre prisão. Ele passou 216 dias na prisão de Hoa Loa – mais conhecido como o famoso “Hanoi Hilton”. Ensch teve o polegar decepado.

Nós somos amigos agora“, disse o ex-piloto vietnamita de MiG-17 Nguyen Van Bay, com um histórico de sete vitórias confirmadas. “Pilotos americanos foram enviados para lutar por outra terra. Eles foram profissionais. Nós lutamos por nossa terra. Se não atirássemos neles, eles atirariam em nós. Estávamos fazendo nossos trabalhos. Isso é passado. Agora somos amigos.” Bay acabou abatido por um piloto americano. Seu MiG-17 foi encontrado com 82 perfurações de balas, lembrou ele.

No ano passado, Ensch mostrou sua mão mutilada ao coronel Nguyen Van Lam, um dos dois pilotos de MiG-17 que ele derrubou em 23 de maio de 1972. Lam agarrou sua mãe e pediu desculpas pelo que seus colegas vietnamitas haviam feito ao Aviador da Marinha.

O coronel Nguyen Van Bay foi ovacionado em Hanói como primeiro ás do Vietnã do Norte, mas disse que a fama vem em segundo lugar hoje. O importante é fazer a paz com os EUA.

Nguyen Van Bay

Eu acredito que os americanos são pessoas boas“, disse ele. “Mas eu tenho sentimentos ruins por seus líderes, que lideraram seu país na guerra. Os presidentes (Lyndon) Johnson e (Richard) Nixon disseram que trariam o Vietnã do Norte de volta à Idade da Pedra”.


FONTE: The San Diego Union-Tribute

Anúncios

66 COMENTÁRIOS

  1. Eu aposto que ainda neste seculo os EUA vão voltar a lutar no Vietnam , vão lutar ao lado dos locais contra um potencial invasor comunista ……

    • A estratégia dos EUA na Ásia está bem clara: criar um "cinturão" frente à China. Coreia do Sul, Taiwan, Japão, Cingapura, Indonésia, Índia, Malásia, Filipinas e Tailândia possuem suas dívidas históricas com os chineses, portanto, fazem o jogo norte-americano. Existem duas grandes alianças militares na Ásia que não envolvem os EUA. Índia-Rússia e Paquistão-China. É só questão de tempo para estes dois blocos se chocarem. Não vai ser uma guerra aberta. Vai ser um choque de fronteira, do tipo a Guerra do Cenepa. Vai ser curta, mas dadas as proporções dos armamentos na região, muito explosiva. A Índia começou recentemente a reforçar os abrigos aéreos na região do himalaia…

      • Gio, eu não sei se os Tailandeses possuem diferenças históricas com os chineses de modo que nessa questão ficariam neutros. Mas vislumbro para o futuro os laços políticos e militares de EUA e Vietnã se intensificando ainda mais, especialmente em virtude da pouca margem de manobra que a Rússia, tradicional aliada de Hanói, dispõe na região.

    • A China não entrará em guerra com nenhuma nação da Ásia.
      Não precisa, não fará.

      • Os indianos discordam mas do que adianta dizer certas coisas a papagaio velho?

      • Diga isso a todas as nações do mar da China que são acossadas por patrulhas e "pesqueiros" chineses todos os dias.

  2. Os pilotos vietnamitas foram esplêndidos. Descartaram boa parte do manual de táticas dos soviéticos e desenvolveram táticas próprias. A principal delas foi o "Hit and run", quando os pilotos atacavam as formações de caças bombardeiros da USAF, notadamente os F-105 Thunderchief, e logo depois se evadiam. Com isso mantinham a vantagem e evitavam confrontos mais demorados com os F-4 de escolta. Da mesma forma também administravam bem seus meios de combate. Salvo raríssimas exceções os Mig-17 eram direcionados a se contrapor aos pacotes de ataque da USN ao passo que os Migs-21 cuidavam dos ataques da USAF.

    Por seu turno o treinamento dos pilotos norte-americanos, induzido por uma fé excessiva nos radares e mísseis que os levou a abolir o canhão das primeiras versões do Phantom, era deficiente a ponto do então comandante da 8th TFW, o lendário Coronel Robin Olds, reclamar dos jovens pilotos que recebia. Uma prova cabal se deu quando o mesmo Olds junto com outros pilotos experientes e agressivos da unidade elaborou uma brilhante emboscada, denominada "Operação Bolo", quando lograram dizimar quase metade dos Migs-21 que a VPAF possuí até então:
    https://www.youtube.com/watch?v=6E85VbXDNVE&l

    Na US Navy a situação era a mesma. Pilotos agressivos recém-chegados esnobavam o F-4 Phantom e preferiam voar o F-8 Crusader por este ser um aparelho mais manobrável além de dotado de canhões. Aliás o caça da Vought teve o melhor kill ratio dos caças norte-americanos na guerra (19:3). Dos péssimo resultados obtidos por seus pilotos emergiu o famoso "Relatório Ault", gênese do famoso Top Gun. E uma vez que os pilotos formados pelo Top Gun ainda conseguiram participar do conflito a Kill Ratio da USN logo subiu para 12:1.

    Na USAF, os resultados na guerra do Vietnã originaram o Red Flag, hoje realizado quatro vezes ao ano.

    Por fim é sempre bom afastar a injusta fama obtida pelo F-4 Phantom de ser uma aeronave ruim quando na verdade seus péssimos resultados no conflito resultaram de treinamento deficiente e decisões políticas ruins. A prova evidente deu-se não ali mas nos céus do Oriente Médio onde o caça da McDonnell Douglas, nas mãos dos experientes e bem treinados pilotos da Heyl Ha'Avir, obtiveram 116,5 vitórias em combates aéreos, muitas vezes quando estavam carregados de bombas.

    • Bacana o relato HMS, parabéns pela paciência em compartilhar.
      Tem uma série de documentários feitos pelos espanhóis da Altaya, em fitas VHS, vendidos com dublagem em português em bancas, ainda em meados dos anos 1990, que relatam muitas destas ações na guerra dos EUA contra o Vietnã. O Cel. Olds é uma lenda viva (quer dizer, se é que ainda vive).

      Até mais!!!

      • Oi Wellington, obrigada pela gentileza! Eu lembro das fitas VHS da Altaya, eram da coleção "Tudo sobre aviões de combate". Eu cheguei a comprar algumas nos anos 90 mas hoje muitas delas estão disponíveis no Youtube.

        Quanto ao Cel Olds ele lamentavelmente não está mais entre nós. Faleceu no dia 14/06/2007 aos 85 anos de idade e, como você bem asseverou, era uma lenda viva. Piloto de combate agressivo, era impulsivo e também chegado a um copo. Contudo era um brilhante estrategista além de ser um líder nato. Formou com Daniel "Chappie" James, seu vice comandante na 8th TFW e o primeiro negro a alcançar o posto de general de quatro estrelas na USAF, uma dupla poderosa e inspiradora carinhosamente conhecida como "Blackman and Robin".

  3. Nguyen Duc Soat, o conhecido ''Matador de Phantoms'' kkkk. Dos seis abates confirmados pelos americanos (os que assumem ter perdido pra esse piloto), 4 eram Phantoms, sendo 3 F-4E's e um F-4J.

    • MUito mais, como eu descrevi acima, pelos erros de ordem tática e política cometidos pelos EUA durante o conflito. No Oriente Médio, onde os israelenses eram bem melhores treinados, o caça da MDD foi amplamente superior ao Mig-21 em que pese ter sido mais ultilizado no papel de caça-bombardeiro. Reflexo disso é o fato de Israel deter mais ases no Phantom do que os próprios EUA, pilotos como Amir Nachumi ( 8 Kills no F-4 de um total de 14) e Iftach Spector ( 6 Kills de um total de 14). Aliás esse último piloto é enfático em sua autobiografia em declarar que a despeito do tempo que demorou para se familiarizar na aeronave (200 horas), uma vez que se familiarizou na mesma passou a considerá-la superior ao Mig-21 e ao Mirage III CJ

  4. Velhos inimigos restabeleceram relações diplomáticas, econômicas e até ensaiam uma aproximação militar.

    Tudo isso com dezenas de helicópteros e aviões norte-americanos 'enfeitando' praças e parques vietnamitas…

    • E duvido que os americanos peçam a devolução destes troféus.

          • Tem , ele não consegue mais fingir , agora esta nu e cru , um embutido friboy ! Eu avisei ,ele não aguentou a pressão !

        • Walfrido, neste ponto o Rodrigo tem razão (no meu entendimento), não há porquê exigir os 'troféus de guerra'. Perdeu o conflito?! Siga em frente e toque sua vida. Quem achar que deve devolver, beleza, faça isso, mas quem não quiser, não há motivos para os que perderam a guerra quererem estes 'troféus' de volta.

          É o que eu penso.

          Até mais!!!

          • Concordo plenamente Wellington! Pedir troféus de guerra de volta é atitude pequena e revanchista. Aliás, se hoje temos muitos tipos raros de aeronaves japonesas da II GM é porque foram capturadas e como troféus de guerra exibidas em museus dos EUA e da Grã-Bretanha.

          • Eu tambem não acho que exista a obrigação de se pedir a devolução ou de devolver quando pedido.
            Mas isso é uma coisa que pode ser negociada ou feita com o objetivo de uma reaproximação, cada país que analise o seu caso.
            Só achei engraçada a observação de que os americanos não pediriam a devolução dos trofeus de guerra.

          • Ele tenta manter uma posição , na realidade escreveu besteira sobre o EL cristiano , agora tenta disfarçar o chilique que ele deu !

            • Eu conheço o Walfrido já algum tempo e sei que o tu colocaste não condiz com a verdade. Aliás, tua capacidade de raciocínio sobre o que pessoas como o Walfrido e eu colocamos é medíocre.

              Sugiro mais leitura para tentar fazer qualquer análise de personalidade. Aliás, sugiro também que treine melhor sua escrita. É deprimente! (e ainda acha que tem condições intelectual para falar de alguém).

      • Pessoas inteligentes aprendem com o passado.

        Socialistas é que tentam manipulá-la para atender sua ânsia por poder.

      • Nem teria o porquê de pedir , são maduros ,sabem o valor moral que estes butins possuem para os vencedores , de certa forma ali esta representado o espirito daqueles vietcongs que tombaram naquele conflito , e de crta forma demostra respeito pelo adversário ,doentes mentais trucidariam tudo , prisioneiros prédios ,livros , vejam so oque fizeram o ISIS , so quardaram o ouro e os dollares !

      • A única coisa que eles insistiram para reaver foram ossadas e restos mortais dos soldados lá falecidos. Parte da cultura deles que prega que "ninguém fica para trás".

        Reza a lenda que o governo norte-americano e as associações de veteranos tinham que molhar algumas mãos no Vietnã para viabilizarem as exumações e o traslado.

  5. Socialismo, ou teoria do mimimi, quer reescrever a história para atender seus interesses sujos.

    No Brasil, portugueses, ingleses e americanos levam a culpa pelos problemas. O inimigo sempre é o outro: a CIA, a elite branca, os banqueiros, os maçons, iluminatis ou os marcianos.

    Sem drama, sem chororô, o Vietnã e os EUA viram a página e seguem em frente.

      • Cada um é responsável por sua própria vida.

        Colocar a culpa nos outros é a desculpa dos incompetentes.

        • Quando alguém, abusando de sua influência política e/ou econômica, utiliza de meios como-Manipular decisões Estatais, provocando desvios de recursos que afetam milhões de cidadãos necessitados, privando o jovem na periferia a uma educação de qualidade, o deixando ao relento, vulnerável as opções de vida como a violência e o crime (poder paralelo na falta do Estado). O Banqueiro, o dono da empreiteira, do conglomerado da carne, ele não deve receber a culpa por tantas mazelas a qual a nossa sociedade está se afogando? Visto que a raiz de muitos dos problemas, como o 'neguinho' que te assalta na rua, acaba naquela situação por uma sequência de desmandos e sujeiras políticas, geralmente com o cerne no sistema financeiro, por sua vez, controlado pelos Iluminatis, maçons (Leve na ironia as duas palavras antes do parênteses).

          Fica ai a pergunta.

          • Quem votou no político corrupto?

            Quem bateu palmas pra demagogia?

            Resposta dada.

            Quanto aos corruptos, que paguem por seus crimes. Quem gosta de bandido é esquerda.

            Não existe "os banqueiros", existe o José, Carlos e a Maria. O José fez errado, cumpra sua pena.

            • Zé, meu Xará! Nós dois sabemos que as mazelas em que vivemos são anteriores a eleição dos corruptos. E apesar da estagnação, é eminente a evolução pela qual este país passou-A demagogia se justifica, se o poder que ai estava era a única luz para milhões de viventes debaixo de trevas (e dos viadutos), palmas aos corruptos, por darem uma chance a quem nada tinha, sequer perspectivas. Infelizmente estes ai traíram a todos, isto é fato. E traíram, tramaram contra todos, junto com a Maria, e com o José, os banqueiros, do Joesley e companhia. É o sistema movendo as peças, e sacrificando o país. Independente do partido e da Ideologia, a corrupção é o status quo, sempre foi-Ela não é apegada a partido, nem a pensamentos específicos, como alguns gritam aos quatro cantos.

              O único demagogo bem-sucedido está morto a décadas.

              • Ahhhhh, sei , então ta bom , a corrupção existe bem antes do BIG BUN !

                • Não, meu querido.

                  Vcs que acreditam em "Estado-Resolve-Tudo".

                  Vc é que tem que dizer onde estão os seres perfeitos, não nós.

                  Onde estão essas pessoas boas e capazes as quais vamos confiar nossas vidas?

                  Nós acreditamos em "Estado-Não-Faz-Nada". Logo, qualquer porcaria serve.

                • O que estamos vendo aqui é:

                  Eu vejo o Estado e corporações, trabalhando em conjunto e prejudicando o coletivo nacional. Logo, coloco a culpa de algumas mazelas sociais, neles. Você ao que aparenta também concorda que o Estado é uma porcaria, mas mesmo assim acha que a meritocracia que ai está, se alguém nasce sem escola, saúde…com um rio de esgoto do lado da casa de palafita, isso é mérito somente dele, e não do Estado que, geralmente pra defender outros interesses, pessoais dos políticos, e financeiros de corporações, desviam recursos, que deveriam ir pro saneamento básico, pra educação e etc.

                  Este é o nosso impasse, não consigo entender o por que destas suposições suas, que loucura, cara!

                  Por que eu tenho que dizer onde estão os seres perfeitos? Ora bolas, eles não existem! "Procurada viva ou morta a perfeição"-Agora, na impossibilidade de um governo íntegro, eu devo calar a minha boca, e não reclamar do que ai está? Vejam só….vamos viver o resto de nossas vidas na merda! Vamos aceitar o esgoto escorrendo de Brasília! Faça-me um favor, Zé! Não nos rebaixemos a isso.

                • Estou trabalhando a umas 3 semanas na 'solução', quando for tempo me manifestarei sobre!

                • O que é mais realista?

                  Opção I
                  Um grupo de pessoas geniais, puras e extremamente capazes irá aparecer. Nós vamos entregar o Estado a elas. Com sua super-inteligência vão dar casa, escola, comida, roupas, segurança, saúde… a todos os brasileiros.

                  Opção II
                  Vamos arrumar um emprego para o tadinho. Ele vai correr atrás para melhorar a situação dele e da família.

                • E no que isso acrescenta a discussão? As duas opções são irreais.

                • Engracado, eh irreal uma pessoa arranjar um emprego e trabalhar.

                  Pago 2000 reais na carteira para alguem cuidar dos meus pais (sao independentes).

                  So dar comida e chamar ambulância se eles passarem mal.

                  Nao eh necessario formacao.

                  Ninguem quer.

                • Meu pai está desempregado. Gostaria de salientar que o país é maior que o seu bairro.

                • O Zeabelardo tudo bem, só está defendendo o ponto de vista dele, tem seus motivos e etc. Eu estou fazendo o contraponto, tenho meus motivos e etc.

                  Agora…quem é este 'ser' que só fala bosta no site? Jesus! Não acrescenta em nada as discussões, e ainda quer vir com ofensas. Eu deveria responder na mesma moeda, mas pelo contrário, eu não sou moleque como você.

                  Ei, moderação! Já passou da hora desse troll ir ver as 'virgens'!

              • Tadinho do povo brasileiro, eternamente vítima de um complô.

                Engraçado que países pobres em todo mundo estão enriquecendo. Claro que esse complô só atinge o Brasil.

                Vamos esperar outro socialista maravilhoso que irá lhe salvar. Se o seu demagogo é o Getúlio, foi o mais bandido de todos.

                Fique aí sentadinho esperando alguém vir te salvar.

                Boa sorte.

                A minha vida, eu faço com as minhas mãos.

                • Zé, você parece uma criança debatendo. Pare de falar besteira e argumente!

                  Estes países pobres estão enriquecendo, você chega a essa conclusão através dos números do PIB, certo? O produto interno bruto não reflete a qualidade de vida da população. O Brasil é um país grande, e rico. Mas veja a concentração de renda! Veja a qualidade de vida da população! O meu pensamento não diz respeito a PIB, e sim a qualidade de vida. Eu não espero um Socialista, na verdade não espero nada. Mas o ideal seria uma classe política que cumpra aos interesses da sociedade como um todo, e que não governe para elite…ou qualquer que seja grupo social.

                  A sua vida, você faz com as suas mãos. É o mais correto, o ponto que eu defendo é: Existem pessoas, não tão longe de você, que sequer teve a opção de 'fazer a vida', sequer perspectivas tem. Resultado isso dos problemas que já citei algumas vezes comentários acima, e não preciso repetir.

                • Querido, o oriente enriqueceu. As pessoas enriqueceram.

                  Casas bonitas, carro na garagem e iphone no bolso, conquistados com trabalho.

                  Enquanto vcs choram.

                  Se informe.

    • Isso é serve de lição para estes cumunas das bananas , além do espirito de ladroagem ensistem com ideias do inicio do seculo vinte !

        • Maior erro é acreditar que o Deus-Estado resolve a vida das pessoas.

          • Definitivamente o maior erro é acreditar que o mercado regula a vida das pessoas e que o estado não precisa existir para impor limites e regulações.

            Vide a crise mundial de 2008 causada pela irresponsabilidade do mercado financeiro.

            Você fica aí engolindo e digerindo material de quinta categoria, sem conteúdo algum, como gifs no Facebook do MBL e quer vir falar que socialismo é um conceito vencido.

            Francamente. Pesquise sobre o sistema de saúde britânico e canadense, políticas públicas francesas, italianas e alemãs antes de vir aqui boxear o teclado com base no que tu lê no Facebook.

            Você é o típico brasileiro moderno.

            Enquanto o mundo inteiro vive uma onda pós pensamento liberal você vem discursar aqui que o estado não presta, não serve, não deveria existir.

        • Não tem me causado problemas esta falta de cuidado com a gramática , se isto lhe incomoda basta não ler oque escrevo ! Ja te ocorreu que o corretor me avisou e eu ignorei ?

  6. Como muitos apontaram, é fundamental para contrapor a China que os EUA curem suas cicatrizes e coloquem o Vietnã como aliado. Seria uma enorme vitória diplomática.
    E a agressividade chinesa com seus vizinhos tende à facilitar essa aliança, até para que estes países tenham um fator de inibição para as atitudes chinesas.

    • Sabe muito pouco de geopolítica…
      A China é o maior parceiro comercial das nações asiáticas. Também é o maior fomentador econômico, aquele que possui as mais disponíveis e acessíveis linhas de crédito/financiamento…
      É a China, não os EUA…
      A iniciativa "Transpacífico" dos EUA afundou, a iniciativa chinesa do novo "Caminho da Seda" prospera…
      Entende agora o mundo em que vive?

      • Diga isso aos indianos que tem uma parte de seu território invadido.

        Diga aos tibetanos, que tiveram seu país tomado.

        Fale aos filipinos, vietnamitas, malaios… que convivem com patrulhas e falsos pesqueiros armados.

        Depois diga de onde vem a tecnologia do Kim Jon Un.

        Acho que vc não entende muito de geopolítica.

      • Xiiiii, lavem a mesma ladainha ,blablablablablablablabla , caminho da seda prospera e bla bla bla , sabe de nada , vou ORAR por vc cara ,sinceramente tem algum espirito te pertubando ,ssssssss,oremos !

      • Eu?! Sei tão pouco quanto a maioria aqui. Porém, é fato que os EUA não vão simplesmente abandonar sua influência na Ásia devido a política também expansionista da China.

Comments are closed.