O primeiro Boeing 747-8F (cargueiro) entregue para a companhia Atlas Air, e que será operado através de um contrato de wet-leasing pela empresa de carga aérea British Airways World Cargo. (Foto: Boeing)

A Boeing comemorou nessa quinta-feira, dia 3 de novembro, o vôo de entrega do primeiro avião de carga 747-8F para Atlas Air Worldwide Holdings, Inc. A entrega é o primeiro de nove cargueiros 747-8 que a Atlas Air encomendou. A subsidiária com 49% da Atlas Air, a Global Supply Systems (GSS), vai operar o novo cargueiro com a British Airways World Cargo através de um acordo de cinco anos de wet-leasing.

“Nós temos olhado para o futuro de longa data ao receber o nosso primeiro 747-8F, e estamos muito satisfeitos que ele está entrando em serviço com o nosso cliente de longa data de maior valor, a British Airways World Cargo”, disse William J. Flynn , presidente e CEO da Atlas Air Worldwide Holdings, Inc.

Como parte do contrato de arrendamento de três cargueiros 747-8 com a GSS, a British Airways World Cargo vai utilizar os aviões em rotas de longa distância para hubs de carga na Ásia, África, Índia e nos Estados Unidos.

“A adição do 747-8 Cargueiro à frota é um passo importante em nossa estratégia global de negócios de longa distância”, disse Jude Winstanley, vice-presidente sênior da IAG carga, composta da BA World Cargo e da Iberia Cargo. “O 747-8 Cargueiro nos fornece um desempenho líder de mercado em termos de carga, em eficiência de combustível, baixo custo por tonelada-quilômetro e também uma conformidade ambiental.”

Kevin Schemm, vice-presidente da América do Norte para Vendas e Leasing, felicitou tanto a Atlas Air como a British Airways World Cargo pelo seu cargueiro novo.

“O 747-8 Cargueiro permitirá que a Atlas e a British Airways World Cargo possam construir seu sucesso no mercado de carga aérea”, disse Schemm. “Este avião irá entregar eficiência inigualável e baixo custo operacional, incluindo melhorias de dois dígitos no consumo de combustível e nas emissões mais baixas em comparação aos 747-400 que vai substituir.”

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS