A Áustria terá 12 helicópteros Black Hawks após a chegada dos três adicionais S-70.

O Conselho de Ministros da Áustria decidiu garantir a cobertura financeira de um pacote de socorro para compra de novos helicópteros multiusos. Deverão ser adquiridos três helicópteros S-70A Black Hawk adicionais, como parte do chamado programa “Katastrophenschutzpaket”.

Para poder continuar a garantir as capacidades de transporte aéreo um orçamento extra não revelado foi liberado para os helicópteros de transporte de fins múltiplos.

Os 21 helicópteros “Alouette” III”, que voam na Áustria desde 1968 e estão principalmente estacionados em Aigen, no vale do Enns, devem ser retirados de serviço até 2023, o mais tardar e para isso um processo de licitação e aquisição será lançado em conjunto pelo Ministério da Defesa e Ministério das Finanças nas próximas semanas.

Embora os antigos Alouettes estejam basicamente aptos a voar por anos, há problemas com as peças de reposição, que estão se tornando escassas, porque quase nenhum exército do mundo ainda voa com esse tipo de helicóptero.

Com estes importantes passos para a modernização da frota de helicópteros, a capacidade de transporte aéreo das forças armadas do país será consideravelmente aumentada.

O Black Hawk é considerado um helicóptero multiuso especialmente confiável e versátil, que também é adequado para uso em altas montanhas e em condições de mau tempo. Na Áustria, muitas pessoas e políticos tiveram a operação de resgate após o desastre de avalanche em Galtür em 1999 na memória. Quando as equipes de resgate chegaram, 31 pessoas – moradores e turistas – morreram. Naquela época, as forças armadas dos EUA ajudaram a Áustria com Black Hawks.

O ministro da Defesa, Mario Kunasek, disse: “Fomos capazes de fazer investimentos necessários no futuro, para equipar as tropas no ar e no solo com equipamentos modernos. Com este pacote de proteção civil, podemos ajudar rapidamente a população em caso de emergência!”

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS