Um dos novos helicópteros Mi-35M entregues ao Exército da Rússia.

O Distrito Militar do Sul do Exército da Rússia deverá ter em operação cerca de 20 novos helicópteros de combate Mi-35M até o final de 2012, ou no máximo início de 2013, disse a jornalistas na quarta-feira o chefe do serviço de imprensa do distrito, o coronel Igor Gorbulev.

Em agosto, Gorbulev disse que a frota de helicópteros do distrito será complementada até o final do ano por seis Mi-35M, enquanto outros quatro exemplares já estavam sendo testados para envio ao distrito ainda este mês.

“Como parte da encomenda do Ministério de Defesa do Estado para o exército, a Base Aérea de Rostov deverá receber até o final do ano mais algumas aeronaves Mi-35M, possuindo no início de 2013 cerca de 20 unidades do tipo em operação com o distrito Sul,” disse Gorbulev.

O Mi-35M é uma versão atualizada do Mi-24 e é projetado para destruir veículos blindados e inimigos, dando apoio de fogo as forças terrestres e também transportando tropas e cargas, e realizando evacuação médica.

O Mi-35M é equipado com sistema de visão noturna de vigilância, de imagem térmica, que pode detectar e reconhecer objetos em qualquer momento a uma distância de vários quilômetros. O helicóptero também possui um moderno sistema de navegação por satélite, integrado com o computador de bordo. De acordo com o distrito Sul, é possível acelerar o cálculo da rota de voo e apresentar os dados de voo na tela do comandante duas vezes mais rápido que nas versões anteriores.

Com informações do amigo Rustam, direto da Rússia.

Solicito um minuto da atenção de você leitor do Cavok. Estamos tendo despesas elevadas com servidores devido ao alto tráfego gerado mensalmente, e precisamos da ajuda de todos para continuar mantendo o site estável e permanentemente no ar. Sem a ajuda de vocês, fica inviável manter o Cavok, já que infelizmente as empresas aeronáuticas brasileiras até o momento não anunciaram no nosso site, mesmo sendo o Cavok uma das maiores referências sobre notícias de aviação do país, reconhecido inclusive internacionalmente, e um dos sites de aviação mais visitados do país, senão o maior. Para contribuir, utilize as formas de pagamento online abaixo ou nos botões localizados na barra lateral.




Desde já meu muito obrigado.

Fernando Valduga

Enhanced by Zemanta
Anúncios

7 COMENTÁRIOS

  1. Caro Valduga, parece que o sobrenome do camarada Igor, citado nos primeiro e terceiro blocos de texto (Gorbulev), saiu diferente no segundo (Gorbulya). Valeu!

  2. Pode nao ser aquele numero sovietico, mas para conter os terroristas chechenos e georgianos está otimo.

    Um helicoptero fascinante, um simbolo da força da Rússia !

  3. Muitos devem estar a se perguntar: se os russos possuem o Mi-28 e o Ka-50/52, por cargas d'água estão a se equipar com Mi-35?

    Simples: o Mi-35 possui uma robustez ímpar, além de ser muito adequado às funções de escolta e assalto. É uma aeronave simples, muito adequada aos ambientes inóspitos.

    É isso.
    Conhecem o valor do vetor.

  4. Me perdoem o apreço que exibi acima à expressão "muito adequado/adequada"…
    Acontece, rsrsrsrs…

  5. Eu acho que o Brasil deveria comprar mais uns 18 Mi-35M para a FAB!!!

  6. É ótimo ver que o Brasil também optou por estas excelentes aeronaves. Mas ainda faz falta um helicóptero dedicado como o Ka-52. Seria de grande valia para atuar em conjunto com os Mi-35 e A-29, dando cobertura aerea para as tropas e nossos Leopard.

Comments are closed.