O protótipo tiltrotor do Bell V-280 “Valor” está prestes a realizar a primeira transição em voo, inclinando suas naceles para a frente e voando no “modo avião”. Tal está previsto para o final de abril.

O protótipo, que fez seu primeiro voo em dezembro, agora tem 19 horas de tempo de voo e 75 horas no chão, disse Scott Clifton, diretor de Desenvolvimento de Negócios Militares Globais da Bell.

Um porta-voz da empresa esclareceu que a Bell não tem uma data limite para o voo sustentado pelas asas, já que a linha do tempo será ditada pelo progresso feito durante os testes. O V-280 foi construído para a Demonstração de Tecnologia Conjunta Multi-Role do Exército dos EUA (Joint-Multi-Role Technology Demonstration – JMR-TD), essencialmente um demonstrador para as tecnologias de próxima geração de helicópteros do Exército dos EUA.

O Valor é o primeiro a voar. A Sikorsky e a Boeing se uniram para construir o demonstrador SB-1 Defiant, que poderá voar em meados deste ano. A Karem Aircraft e a AVX Aircraft Co. que não ganharam um contrato com a JMR-TD, continuaram trabalhando em tecnologias que poderiam atender a futuros aviões do Exército.

À medida que a JMR avança, nosso objetivo é continuar pilotando o V-280 e mostrar que podemos fornecer o dobro do alcance e velocidade e dar ao Exército o que ele procura como um substituto para o UH-60 Black Hawk do Exército e Fuzileiros”, disse Scott Clifton.


FONTE: Aviation Week

SEM COMENTÁRIOS