Imagem renderizada de um 787 nas cores da Air Tanzania, sobrevoando o Kilimanjaro. (Foto: Boeing)
A Boeing e a República Unida da Tanzânia confirmaram uma encomenda de um 787-8 Dreamliner, avaliado em 224,6 milhões de dólares a preços de catálogo. A aeronave será operada pela Air Tanzania, a transportadora de bandeira da Tanzânia. A encomenda foi previamente atribuída a um cliente não identificado no site de pedidos e entregas da Boeing.

A Air Tanzania disse: “O 787 Dreamliner será a aeronave emblemática enquanto renovamos e desenvolvemos a frota da Air Tanzania. Nosso objetivo é estabelecer a nossa capacidade de longo curso, começando com voos para a Europa, Ásia e os EUA nos próximos anos e o 787 é a aeronave perfeita para alcançar essa ambição. Nosso aeroporto de hub em Dar es Salaam está bem localizado para fornecer conexões em toda a África Oriental, capitalizando a crescente demanda por turismo na Tanzânia e em toda a região a partir de mercados intercontinentais.

O 787 é uma família de aviões tecnologicamente avançados, super-eficientes com novas características agradáveis aos passageiros. O 787 fornecerá para a Air Tanzania uma eficiência de combustível incomparável e desempenho ambiental, usando 20 a 25 por cento menos combustível e com 20 a 25 por cento menos emissões do que os aviões que substitui.

“Tenho o prazer de dar as boas-vindas à Air Tanzania como o mais novo membro da família Dreamliner”, disse Van Rex Gallard, vice-presidente de vendas da América Latina, da África e do Caribe da Boeing Commercial Airplanes. Nas suas operações de longo curso, o 787 da Air Tanzania aumentará significativamente o número de passageiros em seus voos domésticos, impulsionando o turismo global para a Tanzânia”.

A Air Tanzania Company Limited é a transportadora de bandeira da Tanzânia com sede em Dar es Salaam, no seu hub no Aeroporto Internacional Julius Nyerere e atualmente voa para destinos na Tanzânia com uma crescente frota de aviões.

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS