A Air Lease Corporation encomendou cinco aviões 737 MAX 7 e sete 737 MAX 8. (Foto: Boeing)

A Boeing e a Air Lease Corporation (ALC) finalizaram um pedido para 12 aeronaves 737 MAXs anunciadas pela primeira vez no Paris Air Show 2017. O acordo também inclui duas novas encomendas para o 787-9 Dreamliner.

“Essas ordens adicionais refletem as colocações altamente bem sucedidas da ALC até a data do nosso catálogo de pedidos do MAX e 787 e a necessidade de cumprir a demanda incremental que estamos experimentando para essas aeronaves em clientes atuais e novos para a ALC”, disse John L. Plueger, Chefe Executivo e Presidente da Air Lease Corporation.

O acordo inclui cinco 737 MAX 7 e sete 737 MAX 8, trazendo as encomendas MAX totais da ALC para 130. A empresa de leasing já encomendou um total de 49 Dreamliners.

“A ALC entende o valor e a flexibilidade que esses aviões trarão para seus clientes em todo o mundo”, disse o presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes, Kevin McAllister. “Estamos entusiasmados em expandir o catálogo de encomendas da ALC e estamos ansiosos para continuar nossa sólida parceria”.

A ALC inclui no recente pedido mais dois 787-9 Dreamliners.

O 737 MAX é o avião mais vendido na história da Boeing. A família MAX incorpora a mais recente tecnologia de motores CFM International LEAP-1B, tecnologia avançada de winglets e outras melhorias para oferecer a mais alta eficiência, confiabilidade e conforto dos passageiros no mercado de um único corredor.

O 787-9 fornecerá aos clientes das companhias aéreas da ALC capacidades de desempenho de longo alcance e excelente economia operacional.

1 COMENTÁRIO