Um KC-46A visto a partir da cabine de comando do segundo KC-46A. (Foto: Boeing)

A equipe de testes da Boeing e Força Aérea dos EUA (USAF) recentemente reabasteceu em voo pela primeira vez um avião tanque KC-46A Pegasus a partir de outro avião tanque KC-46A.

Durante o voo de quatro horas, as duas aeronaves foram reabastecidas com sucesso e alcançaram a taxa máxima de transferência de combustível de 1.200 galões por minuto. O primeiro e o segundo reabastecedores do programa transferiram um total de 38.100 libras de combustível ao longo do voo. Ambos os aviões decolaram e pousaram no Boeing Field, ao sul de Seattle.

O voo ajuda a abrir caminho para as próximas fases de certificação e testes de conformidade das especificações.

O KC-46 irá reabastecer os aviões militares dos EUA, aliados e da coalizão usando ambos os sistemas de lança (boom), e mangueira e cesto. A lança permite que o KC-46A transfira até 1.200 galões de combustível por minuto, enquanto os sistemas de mangueira e cesta do avião, localizados tanto na asa do avião como na linha central, permitem que o KC-46 reabasteça aeronaves menores com até 400 galões de combustível por minuto.

Até à data, a aeronave de teste do programa completou 2.000 horas de voo e mais de 1.300 contatos durante os voos de reabastecimento com as aeronaves F-16, F/A-18, AV-8B, C-17, A-10 e KC-10.

Nota do editor: Faltou apenas a Boeing divulgar uma imagem externa das duas aeronaves durante a operação de REVO.

1 COMENTÁRIO