A Boeing vai dar andamento aos trabalhos do pacote de "Incrementos 3" no P-8A Poseidon. (Foto: Boeing)
A Boeing vai dar andamento aos trabalhos do pacote de “Incrementos 3” no P-8A Poseidon. (Foto: Boeing)

A Marinha dos Estados Unidos concedeu a Boeing um contrato avaliado de U$ 71,6 milhões para o desenvolvimento e integração do programa “Incremento 3” para melhorar a capacidade da frota de aeronaves de patrulha marítima P-8A Poseidon (MPA) dos EUA e Austrália.

O trabalho, chamado de “Incremento 3” inclui melhorias para o pacote Block 1 das aeronaves, e inclui avanços na capacidade do link de dados Link16, para o míssil Harpoon II, a integração de um receptor e um filtro para o sistema de distribuição, melhoria no sistema de rádio de alta frequência, aprimorando o uso da banda estreita de comunicações por satélite (SATCOM).

O “Incremento 3” faz parte de uma série de atualizações que estão sendo implantados no P-8A para a Marinha dos EUA e para Real Força Aérea Australiana (RAAF), sendo que cerca de 67 milhões serão pagos pelos EUA e 4 milhões pela Austrália. O trabalho deve estar finalizado em fevereiro de 2019.

O Incremento 3 trará melhorias para o uso do míssil anti-navio Harpoon. (Foto: U.S. Navy)
O Incremento 3 trará melhorias para o uso do míssil anti-navio Harpoon. (Foto: U.S. Navy)

O P-8A Poseidon é uma aeronave de longo alcance para guerra anti-submarino (ASM) e anti-superfície (ASW), inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR), e mais recentemente começou a ser utilizado nas missões contra o narcotráfico.

Anúncios

5 COMENTÁRIOS

    • Triste é o Brasil praticamente ter relegado a manutenção dos seus C-130 a segundo plano, de três esquadroes sobra um que com dificuldade consegue manter 5 aviões em voo.
      A Indonésia que tem cerca de 20 C-130 em condições de voar, foi o primeiro país a comprar o C-130 no Gov. Kennedy para substituir os An-12, neste treinamento usou 10 C-130 lançando PQDs. https://youtu.be/FNAf2iRDwCM

  1. Uma pergunta aos entendedores do assunto, sabem me dizer quais as diferenças entre o P8 e o nosso P3 e se valeria a pena trocar a plataforma devido aos nossos meios empregados hoje e depois com o gripen, não sei se o caça trabalharia junto com o P3 mas se sim será que poderia trabalhar também com p P8?

Comments are closed.