O Boeing T-X terá uma APU da empresa francesa Safran. (Foto: Boeing)

O jato de treinamento avançado T-X da Boeing deve usar uma Unidade de Força Auxiliar (APU) fornecido pela Safran Electrical & Power, sob os termos de um acordo assinado no show aéreo de Paris com a parceira de desenvolvimento da empresa americana, a Saab.

Estendendo um relacionamento entre a Saab e o Grupo Safran desde 2011 com o programa de caça Gripen da Saab, o novo acordo cobre a futura produção de equipamentos nas instalações de Pitstone da Safran em Buckinghamshire, no Reino Unido.

O sistema de força auxiliar é usado para fornecer força elétrica e hidráulica para a aeronave durante a partida no solo e emergências em vôo“, diz a Safran Electrical & Power.

O Boeing T-X foi escolhido no ano passado para substituir os antigos jatos treinadores Northrop T-38C da Força Aérea dos EUA (USAF) e a fabricante realizará a montagem final em St. Louis, Missouri. A Saab no início de maio anunciou sua escolha de West Lafayette, Louisiana, como o local para sua futura instalação de montagem da fuselagem traseira para o programa.

As primeiras entregas do T-X devem ocorrer em 2023, com a USAF planejando adquirir um total de 351 unidades iniciais.


FONTE: FlightGlobal

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS