A aeronave Boeing T-X (BTX), desenvolvida em parceria com a Saab, foi selecionada pela USAF como nova aeronave de treinamento avançado de combate. (Foto: John Parker / Boeing)

Os pilotos da Força Aérea dos EUA em breve irão treinar para o combate com os novos jatos T-X e simuladores da Boeing. O contrato avaliado em US$ 9,2 bilhões compreende a aquisição de 351 jatos, 46 simuladores e equipamentos terrestres associados.

“O anúncio de hoje é a culminação de anos de foco inabalável da equipe da Boeing e da Saab”, disse Leanne Caret, presidente e CEO da Boeing Defense, Space & Security. “É um resultado direto de nosso investimento conjunto no desenvolvimento de um sistema centrado nos requisitos exclusivos da Força Aérea dos EUA. Esperamos que o T-X seja um programa de franquias durante grande parte deste século.”

A Boeing e sua parceira de compartilhamento de risco, Saab, projetaram, desenvolveram e testaram em voo dois jatos totalmente novos e específicos – provando o design do sistema, a repetibilidade na capacidade de fabricação e treinamento.

“Essa seleção permite que nossas duas empresas cumpram um compromisso que assumimos em conjunto há quase cinco anos”, disse Håkan Buskhe, presidente e diretor executivo da Saab. “É uma grande conquista para a nossa parceria com a Boeing e nossa equipe conjunta, e estou ansioso para entregar a primeira aeronave de treinamento para a Força Aérea”.

A Boeing agora está liberada para começar a fazer pedidos com seus fornecedores, incluindo a Saab. Mais de 90% das ofertas da Boeing serão feitas nos EUA, suportando mais de 17.000 empregos em 34 estados.

A Saab atende o mercado global com produtos, serviços e soluções líderes mundiais em defesa militar e segurança civil. A Saab tem operações e funcionários em todos os continentes do mundo. Através de um pensamento inovador, colaborativo e pragmático, a Saab desenvolve, adota e aprimora novas tecnologias para atender às necessidades de mudança dos clientes.

34 COMENTÁRIOS

  1. Mas pera não é o NG que tem 4000 dólares a hora de voo? Que é ideal pra nação mendiga?

    Então pq não vão de NG, que custa baratim baratim?

  2. Pelo amor de Deus, o Brasil comprou um avião excelente, vamos torcer pra vir mais Gripens, é disso que precisamos.

  3. Lindo pássaro. Quem esperava ver um "russo" voando na USAF se arrependeu.

Comments are closed.