Um Boeing B-52 Stratofortress da U.S. Air Force (USAF) destacado na Base Aérea de Anderson, em Guam, pousa na Base da Royal Australian Air Force (RAAF) de Darwin.

Vários bombardeiros B-52 Stratofortress da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) chegaram à Base da RAAF de Darwin, na Austrália para participar do exercício Cooperação Aérea Aprimorada (EAC, Enhanced Air Cooperation).

A Base da RAAF de Darwin está hospedando os bombardeiros enquanto participam de atividades de treinamento com a Força de Defesa Australiana no espaço aéreo militar designado perto da Base da RAAF em Williamtown até o início de abril.

A Cooperação Aérea Aprimorada baseia-se em uma ampla gama de exercícios aéreos combinados e atividades de treinamento entre os Estados Unidos e a Austrália, que regularmente envolvem visitas de aeronaves militares dos EUA à Austrália.

A Austrália e os Estados Unidos iniciaram a Cooperação Aérea Aprimorada em fevereiro de 2017, acrescentando uma dimensão extra às Iniciativas de Postura de Força.

A Base da RAAF de Darwin recebeu os bombardeiros B-52 da USAF em 2012, 2014 e 2016 para exercícios de treinamento anteriores.00

A gestão de ruído e os impactos ambientais são considerações vitais no planejamento e na condução do voo militar, e a Força Aérea dos EUA aprecia o apoio que recebe da comunidade de Darwin durante este treinamento.

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS