Caças F-35B Lightning II do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA (USMC) vão praticar nesta semana no Exercício Northern Edge sobre o Alasca.

Os caças estão no Alasca pela segunda vez. Os jatos passaram pela área de Anchorage em janeiro em seu caminho para o sua implantação na Estação Aérea do Corpo de Fuzileiros de Iwakuni no Japão. Eles estão de volta agora para duas semanas de jogos de guerra que começaram na segunda-feira e vak até 12 de maio.

Será a primeira vez que os F-35B vão ser usados em um exercício real com os F-22 Raptors, disse a Capt. Anastasia Schmidt, com o escritório de assuntos públicos do Comando do Alasca. Como o F-35, o F-22 é um caça de quinta geração e os dois compartilham algumas das mesmas capacidades.

Os F-35B vão estar baseados na Base Aérea Conjunta de Elmendorf-Richardson em Anchorage durante o exercício, mas poderão participar de exercícios que os envie para treinos no interior durante o Northern Edge, disse Schmidt.

No total, cerca de 180 aeronaves e 6.000 pessoas estão no Alasca para o Northern Edge. Os exercícios têm lugar a cada dois anos e datam de 1975, embora tenha tido outros nomes, incluindo Jack Frost, Brim Frost e Arctic Warrior.

Os exercícios ocorrem sobre o Alaska Pacific Range Complex, uma zona de trefinamento militar média sobre o Alasca e as águas do Golfo do Alasca. A Força Aérea dos EUA (USAF) a Marinha dos EUA (USN) são os principais participantes no exercício.

A maioria dos aviões no exercício serão baseados fora da Base Aérea Conjunta de Elmendorf-Richardson. Os inquilinos habituais, os aviões-tanque KC-135 e caças F-16, serão baseados em Eielson durante o exercício, bem como um grupo de caças F-15E Strike Eagle. Os aviões montados em Anchorage incluem F/A-18 Hornets, F-22 Raptors, P-3 Orions e E-3 Sentrys.


FONTE: NewsMiner

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS