Aeronave de reconhecimento Boeing RC-135V Rivet Joint da USAF.

A Federação Russa interceptou uma aeronave de reconhecimento RC-135V Rivet Joint da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF), que partiu para o patrulhamento próximo a região anexada da Crimeia.

O avião da USAF RC-135V (s/n 64-14841/OF, callsign Hark 51) foi interceptado por dois caças Su-27 Flanker da Força Aérea Russa, que realizavam patrulha aérea de rotina sobre o Mar Negro, perto da Crimeia.

De acordo com dados divulgados pelo site perfil do Twitter Aircraft Spots, a interceptação ocorreu sem nenhum problema maior, e a aeronave de reconhecimento dos EUA continuou o patrulhamento.

As tensões estão aumentando na região depois que um navio espião britânico, HMS Echo (H87), entrou na área em apoio à Ucrânia, pelo Mar Negro através do Estreito de Bósforo (Turquia). A Rússia pede que os estados ocidentais acalmem as tensões com a Ucrânia, do mar de Azov.

O então ministro da Defesa da Grã-Bretanha, Gavin Williamson, disse que o navio de reconhecimento HMS Echo da Marinha britânica é um sinal para a Rússia, indicando apoio à Ucrânia diante das recentes ameaças de agressão.

5 COMENTÁRIOS