A Guatemala pretende adquirir 6 aeronaves Embraer A-29 Super Tucano. (Foto: Agência Força Aérea)

O congresso da Guatemala aprovou na sexta-feira, dia 12 de outubro, o decreto 28-2012 que aprova o crédito para compra de seis aeronaves de ataque Super Tucano fabricadas no Brasil. O presidente guatemalteco Otto Pérez Molina deve agora sancionar a compra.

De acordo com o decreto, será concedido um financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social do Brasil (BNDES) de US$ 146,13 milhões para compra de seis aeronaves A-29 fabricadas pela Embraer, mais uma central de comando e controle e pacote logístico, peças de reposição, equipamentos de apoio no solo e provisões de bordo, e serviços de treinamento e apoio, e US$ 36,96 milhões concedido pelo Banco Bilbao Vizcaya Argentaria para compra e instalação de três radares.

O Ministério da Defesa da Guatemala está responsável pela execução do programa de aquisição das aeronaves que serão utilizadas para monitorar regiões dominadas pelos narcotraficantes e pelo crime organizado.

Dica do amigo Diogo Franca. Obrigado 😉

Enhanced by Zemanta
Anúncios

7 COMENTÁRIOS

  1. O Super Tucano é "cria" da FAB,foi projetado e construído de acorda com os requisitos dela e ai aparece uns (des)iluminados e dizem que a FAB não tem competência por ter descartado o rafale.

  2. A FAB não descartou o Rafale, isso é conversa pra boi dormir, ou melhor, sonho de gripeiro frustrado. Em breve os Rafales estarão cortando os céus brasileiro, juntamente com os A-29. Isto é uma verdade que não vai ser mudada, eu falo com absoluta certeza que o Rafale vai ser o futuro caça da FAB.

    • Pode escrever ai!Se não der Super-Hornet a FAB vai de Gripen C/D como tampax.

  3. Rsrs, alguem sabe que radares serão esses 3 ?

    Guatemala excelente aquisição ST …

Comments are closed.