Um avião de vigilância EP-3 Aries II da Marinha dos EUA foi interceptado por caças J-10 chineses. (Imagem ilustrativa)

Dois caças J-10 chineses interceptaram um avião de vigilância EP-3 da Marinha dos EUA no Mar da China Oriental no fim de semana, com um dos jatos chegando a cerca de 91 metros da aeronave americana, disseram autoridades dos EUA na segunda-feira.

As autoridades, falando sob a condição de anonimato, disseram que os relatórios iniciais mostraram que uma das aeronaves chinesas J-10 chegou perto do avião EP-3 dos EUA no domingo, fazendo com que a aeronave americana mudasse de direção.

Uma das autoridades disse que o jato chinês estava armado e que a intercepção aconteceu a 148 km da cidade chinesa de Qingdao. O Pentágono disse que o encontro entre as aeronaves foi inseguro, mas acrescentou que a grande maioria das interações eram seguras.


FONTE: Reuters

Anúncios

5 COMENTÁRIOS

  1. Acredito que todo encontro desse tipo seja filmado e fotografado.

  2. A essa distância já está dentro da ZEE da China. A interceptação pode ter sido um pouco agressiva, mas foi necessária para afastar um avião que, como sabemos, estava espiando

  3. Mais uma interceptação insegura sofrida pelos pobres coitados norte americanos? Coitados não ?!

    • Pois é amigo.
      É incrível como os Americanos sofrem interceptações "inseguras".
      Acredito que eles entendam que isto faz parte do jogo, mas este tipo de reclamação já virou rotina. Acho que eles querem convencer o cidadão Americano de que o inimigo é muito mal pois coloca os "inocentes" pilotos dos EUA em perigo.

Comments are closed.