O caça CF-18 Hornet que estará no Brasil no mês de maio. (Foto: CAF)

A Equipe de Demonstração Oficial CF-18 das Forças Armadas Canadenses retorna para a temporada de apresentações aérea de 2012 com uma missão: oferecer performances espetaculares ao longo do ano. E em 2012, a equipa participará de 15 shows aéreos no Canadá, incluindo dois na região Norte do país (Yellowknife e Inuvik), quatro shows nos Estados Unidos, bem como a primeira implantação na América do Sul, quando a equipe estará presente no Aniversário de 60 anos da Esquadrilha da Fumaça, nos dias 12 e 13 de maio, na Academia da Força Aérea em Pirassununga, interior de São Paulo.

A Equipe de Demonstração CF-18 personifica a excelência necessária para manter a Real Força Aérea Canadense (RCAF) entre as melhores organizações de aviação do planeta. A experiência e a dedicação exigida pela equipe, desde o piloto até as equipes de manutenção, passando pelos seus coordenadores, reflete o profissionalismo de todos os aviadores e aviadoras do Canadá.

Este ano, o tema do CF-18 Demo Team é: O Norte Verdadeiro Forte e Livre. O piloto para a temporada 2012 é o Capitão Patrick “Paco” Gobeil, que vem do 425° Esquadrão de Caças Táticos, Les Alouettes, de Bagotville, Quebec. O Capitão Gobeil possui mais de 4.000 horas de voo, sendo 3.000 em jatos de alto performance.

Como no Hino Nacional do Canadá, um “Norte Verdadeiro Forte e Livre” fala com a magnificência do Norte do Canadá e para o canadense resolver demonstrar uma presença visível noe exterior e ter a capacidade de defender o país no território ártico. A RCAF tem um papel importante no Norte; operando na região numa base regular realizando a soberania aérea, reconhecimento e patrulhas de vigilância, a realização de operações de busca e salvamento, defesa do espaço aéreo do Canadá e dos Estados Unidos através de nossos compromissos com a NORAD, e permitindo que operações como a Operação Nanook, Nunalivut e Nunakput.

Para incorporar este tema, este ano a Equipe de Demonstração Hornet irá exibir uma arte na cauda e no dorso com 13 flocos de neve que representam as distintas províncias e territórios do Canadá, bem como as 13 Alas em todo o país. Criado pelo veterano diretor de design gráfico Jim Belliveau do Esquadrão 410, em Cold Lake, Alberta, cada floco de neve representa também um tema original do norte.

A equipe CF-18 Hornet do Canadá deve partir de Cold Lake no dia 8 de maio e retornar no dia 28 do mesmo mês. Estão previstas outras apresentações pela América do Sul, mas os locais ainda não foram divulgados.

O Cavok fica feliz com esta notícia e espera que mais esquadrões no mundo confirmem suas presenças no anveirsário de 60 anos de nossa Esquadrilha da Fumaça.

Anúncios

19 COMENTÁRIOS

  1. Sei que ainda é um pouco cedo, mas como fica o público nos festivais dessa Base? Em contra-luz ou é a favor das fotografias?

    Se for em contra-luz será que vão colocar os spotters e press num local mais favorável para as fotos, ou teria que ir para fora da Base para fotografar decentemente?… se é que deixassem estar fora da base a fotografar com boa luz…

    Obrigado!

    • As apresentações no final da tarde ficam com o sol de frente (contra luz), ou seja, nada muito agradável. Mas mesmo assim o local permite bons locais para fotos.

      Acredito que o melhor é entrar em contato com o pessoal da Base para solicitar um acesso para imprensa, caso seja seu caso. Assim fica mais fácil ter acesso a pista e consequentemente uma facilidade maior para imagens.

      Abraço,

      Fernando Valduga
      Editor Cavok Brasil

      • Muito obrigado, estou mesmo tentado a ir, mas a viagem desde Portugal ainda é longa e tem que valer mesmo a pena… Veremos!

        Um Abraço

    • Hornet e Super Hornet são aparelhos completamente diferentes. trata-se apenas de uma visita para prestigiar a Fumaça.

  2. Cara, arrepiei aqui!!!

    To chorando de emoção!!!!

    Vamos ter um jato fodastico com uma apresentação incrível!!!!!!!!!

    EEEEEEEEEEEEEEEHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH

  3. Eita que os yankes não medem esforços para mostrar o seu produto, já envolveram até os canadenses.

  4. Fernando,

    Lembrando que isso certamente tem relação com aquele treinamento que o EDA fez com os snowbirds no fim de 2011. Eles devem estar retribuindo com isso.

  5. Pode deixar alguns destes para a Marinha? mas antes devem consertar o Opalão, que vive dando problema e fica mais na doca que navegando. O brasil deveria repensar se vale a pena termos um NAe, pois assim não dá, só pra enfeite, não dá.
    [ ]s

  6. É lógico que vou estar lá para ver um hornet de perto. Mas sem querer ser pessimista, já sendo, outras equipes acrobaticas de peso já nao deveriam estar confirmadas? É que a gente sonha tanto …Blue Angels, Snowbirds, Frecce Tricolore, Al Fursan, Russian Night, Breitlim team… abraço a todos.

  7. Capitão Naumann King 06 fazia isso de traz pra frente e de cabeça para baixo, com F-5E, mais a jogada de marketing da Boeing e Show, isso eles são bom, viva o capitão America

  8. Obrigado pela resposta Valduga. Sinceramente bateu uma tristesa… Mais uma vez tenho que elogiar o cavok sensacional. Abraço.

Comments are closed.