A aeronave está programada para voar no próximo mês, se tudo correr conforme o planejado.

O próximo protótipo de nave espacial da SpaceX não será apenas um veículo-conceito por muito mais tempo.

A construção do veículo de teste está em andamento, como revelam duas novas fotos postadas no Twitter no dia 17 de setembro pelo fundador e CEO da empresa, Elon Musk. Uma das imagens mostra o veículo – aparentemente o Starship Mk1, que está sendo montado nas instalações da SpaceX no sul do Texas.

A SpaceX também está construindo um protótipo semelhante, chamado Starship Mk2, nas instalações da empresa na Flórida, raciocinando que uma pequena competição dentro da empresa melhorará o design final do veículo.

Droid Junkyard, Tatooine“, disse Musk via Twitter, referindo-se ao planeta natal de Luke Skywalker. A outra foto é uma visão em close de uma seção em forma de anel sendo abaixada no corpo do Mk1. O empresário bilionário também tinha uma legenda divertida: “Área 51 da Área 51”.

O Mk1 e o Mk2 seguem os passos do veículo Starhopper da SpaceX, que foi aposentado após realizar um grande voo de teste no mês passado. Mas os novos veículos são muito mais ambiciosos e mais capazes. Enquanto o Starhopper usava apenas um único motor Raptor e permanecia a poucas centenas de metros do solo, por exemplo, o Mk1 e o Mk2 serão propulsados por pelo menos três Raptors e serão muito mais altos.

A SpaceX está buscando um voo de teste que suba até 20.000 metros em outubro, seguido por uma tentativa orbital “logo depois”, disse Musk no final do mês passado.

Todas essas etapas estão levando à nave final, a nave planejada de colonização de Marte da SpaceX. Essa nave será capaz de transportar 100 passageiros e será lançada no topo de um enorme foguete chamado Super Heavy. Ambos os elementos, foguete e nave espacial, serão total e rapidamente reutilizáveis, disse Musk.

A última nave estelar, como atualmente prevista, terá seis motores Raptors, enquanto o Super Heavy será equipado com 35 motores. Esses números podem mudar, no entanto; Musk está programado para dar uma atualização de design da nave estelar no próximo dia 28 de setembro. O Mk1 deverá estar totalmente montado até esse momento.

As campanhas de teste Mk1 e Mk2 não serão terrivelmente longas, se os cronogramas planejados da SpaceX se mantiverem. Representantes da empresa disseram que os primeiros vôos operacionais da Starship, que provavelmente serão lançamentos comerciais de satélites, poderão ocorrer em 2021. Eventualmente, a SpaceX planeja usar o Starship para todas as necessidades de voos espaciais da empresa, desde missões de colonização interplanetária a lançamentos de satélites a viagens ponto a ponto pela Terra.

E a SpaceX está mirando 2023 para uma missão tripulada do veículo: um voo ao redor da lua reservado pelo bilionário japonês Yusaku Maezawa.


Com informações de Space.com

Anúncios