A espaçonave Beresheet de Israel caiu na Lua durante a tentativa de alunissagem.

A espaçonave robótica Beresheet, construída pela SpaceIL e pela IAI (Israel Aerospace Industries), tinha como objetivo tornar-se a primeira nave israelense e a primeira missão financiada por fundos privados a pousar suavemente na Lua. Mas o pequeno robô não conseguiu chegar, caindo na superfície cinzenta por volta das 15h25 (GMT). O controle da missão perdeu as comunicações com a espaçonave quando ela estava cerca de 149 metros acima da superfície da lua.

Tivemos um fracasso na espaçonave; infelizmente não conseguimos pousar com sucesso“, disse Opher Doron, gerente geral da IAI, durante uma transmissão ao vivo do controle da missão. “É uma conquista tremenda até agora.

Se no início você não conseguir, tente novamente“, disse o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, que assistiu à tentativa de pouso do centro de controle do SpaceIL em Yehud, Israel.

Assim, a lista das nações que pousaram na Lua permanece em três, todas superpotências – a União Soviética, os Estados Unidos e a China.

Mas Beresheet realizou muito durante sua curta vida.

A história da Beresheet começa em 2011, quando a organização sem fins lucrativos SpaceIL se formou para competir no Google Lunar X Prize, que ofereceu US$ 20 milhões para a primeira equipe financiada pelo setor privado a colocar um robô na Lua, mover-se 500 metros na superfície lunar e enviar imagens de alta resolução para a Terra.

O vice-campeão receberia US$ 5 milhões. Um adicional de US$ 5 milhões estava disponível para várias realizações especiais, elevando a bolsa total do concurso para US$ 30 milhões.

Imagem da Terra capturada pela sonda

A competição terminou no ano passado sem um vencedor, mas a SpaceIL e a IAI, a maior empresa aeroespacial e de defesa do país, continuaram trabalhando no Beresheet de 1,5 metros de altura. (Algumas outras ex-equipes, como a Moon Express, com sede na Flórida, também continuaram.)

No mês passado, a X Prize Foundation anunciou que a SpaceIL poderia ganhar um prêmio especial de US$ 1 milhão se Beresheet pousasse com sucesso na superfície lunar. Apenas alguns minutos após o acidente na Lua, o fundador e presidente executivo do X Prize, Peter Diamandis, e a CEO Anousheh Ansari disseram que a SpaceIL e a IAI receberão o prêmio, apesar de não conseguirem pousar.

Eu acho que eles conseguiram tocar a superfície da lua, e é isso que estávamos procurando pelo nosso Moonshot Award“, disse Ansari.

E também, além de tocar a superfície da lua, eles tocaram as vidas e os corações de uma nação inteira, um mundo inteiro, alunos de todo o mundo“, disse Diamandis.


FONTE: Space.com

1 COMENTÁRIO