Jatos T-50 Golden Eagle da KAI.

A Espanha propôs oficialmente um acordo para troca entre aeronaves militares com a Coreia do Sul durante a reunião do comitê conjunto de dois países sobre cooperação da indústria de defesa em Madri no início desta semana, informou uma fonte informada em Seul na quinta-feira.

A Espanha se ofereceu para trocar seus aviões Airbus A400M Atlas por jatos T-50 Golden Eagle e KT-1 Woongbi, produzidos pela Korea Aerospace Industries (KAI), disse a fonte sob condição de anonimato.

“O governo sul-coreano começou a analisar o acordo proposto”, disse a fonte.

Aeronave de transporte militar A400M da Airbus.

Sabe-se que a Espanha encomendou 27 A-400M da Airbus, mas decidiu vender 13 deles. Segundo relatos, espera-se entregar de quatro a seis A400M para a Coreia em troca de 30 turboélices KT-1 e 20 jatos T-50.

Se o acordo de troca se concretizar, seria a primeira exportação de aeronaves da Coreia do Sul para um país europeu. Também proporcionaria um alívio muito necessário para a KAI, que recentemente sofreu uma derrota em uma licitação do jato de treinamento da Força Aérea dos EUA.

Turboélices KT-1B Woongbi.

A Coreia do Sul possui uma frota de aviões de carga C-130 Hercules, cada um dos quais pode voar mais de 5.200 quilômetros com uma carga máxima de 74.393 quilos. O A400M pode acomodar 141.000 kg com um alcance de aproximadamente 8.700 km.

A Força Aérea da Coreia do Sul disse que precisa de aviões maiores para operações mais eficientes de socorro e manutenção da paz.


Fonte: Yonhap News Agency

Nota do Editor: Aguardando os próximos capítulos desta “novela”, já que ontem a Agência de Aquisição de Artigos de Defesa da Coreia informou que este tipo de negociação não estava na mesa de reuniões do encontro entre comitês.

4 COMENTÁRIOS

  1. Os A400 M são mesmo uma Jaca ruim. 90% dos problemas foram por teimosia em colocar um motor Europeu no lugar dos tradicionais P&W. Se fosse com o motor canadense, seria um sucesso.

  2. A Espanha tem que renovar sua instrução bastante defasada com T-35 Pillan, Casa 101 e F-5B modernizados, usar o binômio Kai KT-1 e T-50 seria muito bom e a Coreia do Sul necessita de um transporte maior que os C-130 e o A400M seria uma excelente opção.

Comments are closed.