Cingapura pode agora seguir em frente com a aquisição de caças F-35B. (Imagem ilustrativa)

O Departamento de Estado dos EUA aprovou a possível venda de até 12 caças furtivos F-35B para Cingapura por um custo estimado de US$ 2,75 bilhões, anunciou a Agência de Cooperação em Segurança de Defesa (DSCA) dos EUA na quinta-feira.

Além de até 12 caças F-35B, variante de decolagem curta e pouso vertical (STOVL), o pacote aprovado também inclui até 13 motores Pratt and Whitney F135 (incluindo um motor de reposição), aviônica e outros subsistemas relacionados e suporte técnico e logístico.

Cingapura já faz parte do programa F-35 desde 2003, como um Participante Cooperativo de Segurança (SCP). No começo de 2019, o país anunciou que planeja comprar quatro unidades do caça com opção para oito adicionais, porém a aquisição dependeria da aprovação do congresso dos EUA.

Essa venda proposta de F-35s aumentará o inventário operacional de aeronaves de Cingapura e aprimorará sua capacidade de autodefesa ar-ar e ar-solo, acrescentando uma dissuasão eficaz para defender suas fronteiras e contribuir para operações de coalizão com outros aliados e forças parceiras”, disse a DSCA em um comunicado.

Anúncios

1 COMENTÁRIO