O exercício anual Northern Edge terá início no dia 13 de maio no Alasca e pela primeira vez em 10 anos, um porta-aviões da Marinha dos EUA estará participando.

Aproximadamente 10.000 militares dos EUA participarão do exercício Northern Edge 2019 (NE19), um exercício conjunto de treinamento que envolve as unidades de combate da Força Aérea dos EUA no Pacífico, programado para ser realizado entre os dias 13 a 24 de maio de 2019 e acima das regiões centrais do Alasca e do Golfo do Alasca.

O NE19 é um exercício de uma série de exercícios do Comando Indo-Pacífico dos EUA em 2019 que prepara forças conjuntas para responder a crises na região Indo-Pacífico. O exercício destina-se a aprimorar as habilidades táticas de combate dos participantes, melhorar as relações de comando, controle e comunicação e desenvolver planos e programas interoperáveis em toda a força combinada.

Um F-15E Strike Eagle pousa no dia 8 de maio de 2019 em preparação para o exercício Northern Edge 19 na Base Aérea conjunta de Elmendorf-Richardson, Alasca.

Oficiais de unidades militares dos EUA estacionados nos Estados Unidos continentais e de instalações dos EUA no Indo-Pacífico participarão com aproximadamente 250 aeronaves e cinco navios da Marinha dos EUA. Pela primeira vez em 10 anos, um porta-aviões da frota do Pacífico estará participando do exercício.

O Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA (USMC) irá levar o seu F-35B para o exercício.

As principais unidades participantes incluem: Comando Indo-Pacífico dos EUA, Forças Aéreas do Pacífico dos EUA, Frota do Pacífico dos EUA, Forças Pacifico dos Marines, Comando de Combate Aéreo, Comando de Mobilidade Aérea, Comando de Material da Força Aérea, Terceira Frota dos EUA, Reserva Aérea Nacional e Reserva Naval dos EUA.

O NE19 é o maior exercício de treinamento militar programado no Alasca este ano.

 


Com informações de Base Aérea de Eielson – USAF

Imagem de capa meramente ilustrativa.

Anúncios

SEM COMENTÁRIOS