O caça Boeing F/A-18F Super Hornet durante apresentação nos EUA em 2010. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)
O caça Boeing F/A-18F Super Hornet durante apresentação nos EUA em 2010. (Foto: Ricardo von Puttkammer / Cavok)

f-x2 logoUm dos indícios de que a briga bilionária para modernizar a frota de caças da FAB pende a favor da norte-americana Boeing é a imagem que circula em sites dedicados à aviação militar, com caças norte-americanos F-18 pintados nas cores da Força Aérea Brasileira. Antes disso, o favoritismo da francesa Dassault tinha sofrido o baque da negativa de uma definição feita pela presidente Dilma Rousseff ao colega François Hollande, no fim do ano passado, alegando dificuldades diante da crise econômica.

Nesse meio tempo, a Boeing, que em 2011 abriu escritório em São Paulo e contratou a ex-embaixadora Donna Hrinak para ser seu rosto no Brasil, abriu este ano a filial em Brasília. Além disso, anunciou parcerias com o Instituto de Tecnologia da Aeronáutica (ITA), o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e universidades, para desenvolver vários projetos industriais e intercâmbios.

Confiança

Montagem de um Super Hornet com as cores da FAB, partindo da Base Aérea de Santa Cruz. (Foto: Mauro Lins de Barros / Cavok)
Montagem de um Super Hornet com as cores da FAB, partindo da Base Aérea de Santa Cruz. (Foto: Mauro Lins de Barros / Cavok)

O presidente mundial da fabricante, Jim McNerney, que também preside o conselho de exportação do governo norte-americano, mostrou recentemente confiança na escolha da empresa, garantindo oferecer o melhor produto com a promessa de compartilhar tecnologia. Na última proposta da Boeing para o FX-2 foi incluído, além dos 36 caças, farto arsenal e equipamentos de terra.

Correndo por fora, a sueca Saab avisou que já colocou em produção o modelo Gripen, que ofereceu ao Brasil. “Estamos bastante confiantes de que fizemos uma proposta de custo bastante efetiva e, ao mesmo tempo, consistente com a intenção do governo de proporcionar um salto tecnológico à indústria aeroespacial brasileira”, observou Andrew Wilkinson, diretor da fabricante sueca, ao Correio. (SR)

Fonte: Correio Braziliense via NOTIMP da FAB

Enhanced by Zemanta
Anúncios

119 COMENTÁRIOS

  1. Até acredito no texto em um contexto anterior a derrocada da economia, alta da inflação, bancarrota do Eike, passeatas de Junho, Prism de Edward Snowden e ao voo do Índio bolivariano de volta aos Andes…
    Hoje já podemos marcar a Missa de Sétimo Dia dos Jaguares. Não existe clima em Brasília para esta decisão. O que falariam o movimento do passe livre, o que falariam os médicos? Dificil situação Sra FAB, mas vcs sãoos culpados por deixar o tema se politizar desta forma.

  2. Único indício que vejo e a presidente sendo fritada politicamente. Daqui a pouco ela não manda mais nada e que barbudo vai voltar a disputar a presidência.

    Sobre o FX-2, acabou. Só aguardar o vencimento das propostas em SETEMBRO.

    []'s

  3. Se comprarmos o SH o propósito principal do FX estará anulado, já o secundário (defesa), atendido (miseravelmente atendido, diga-se de passagem). As vezes é difícil entender o que nossos governantes querem, porque a ideia principal não era começarmos a pensar em um vetor desenvolvido aqui?, mesmo que saísse algo só daqui a uns 20 ou 30 anos? O Brasil precisa começar a andar com as próprias pernas, independente de termos ou não um vetor pra inglês ver.
    Falamos muito sobre bolsa disso e bolsa daquilo, mas a bem da verdade é que vivemos como estas pessoas que dependem da ajuda 'migalhal'…. e se ninguém vendesse este tipo de avião? O que faríamos? Será que somos tão incapacitados assim? Ficaremos na mão de estrangeiros pelos próximos 500 anos?
    Falamos também que a China faz aviões que soltam 'pecinha'…a ,eu ver esses são exemplo a ser observado. Que os nossos fossem mil vezes piores, eu ainda ia ficar mais satisfeito que depender do que vem de fora, até porque cérebro é igual em qualquer lugar do planeta, somos descendentes da mesma especie: "Homo sapiens".

  4. Sinceramente… Sou cético com relação a rumores…

    Todos estamos carecas de saber que a decisão pela escolha será política. Daí que o alinhamento dos últimos anos com os franceses se consolidou bastante, embora Brasil e França nunca concordem em tudo… Assim sendo, apesar de haverem indícios fortes do contrário, o Rafale ainda está no páreo… A bem da verdade, ficaria surpreso se a escolha fosse outra que não o caça francês…

    O único que considero decisivamente fora é o Gripen NG; e por um simples motivo: jamais chegaria a tempo de substituir a frota de F-5 em desativação. Mesmo que se adotasse um tampão, isso não seria conveniente, pois, no meu entender, as necessidades operacionais brasileiras pedem por uma aeronave de geração 4.5 plenamente operacional ainda essa década. O Gripen seria interessante e contém aquela que considero ser a melhor proposta, mas nesse instante da história, já não seria plenamente adequado por conta do tempo necessário até a sua implantação no país; ainda mais se formos considerar que já há dois países na região com aeronaves de quarta geração: Venezuela ( Su-30 ) e Chile ( F-16 block 50 ). Poderíamos também incluir Peru nesse bolo, com seus Mig-29 modernizados ( não seriam aeronaves de quarta geração puras, mas representam uma ameaça pela sua performance )…

    Seja como for, a conclusão do FX-2, mesmo que atrasada, se torna importantíssima para a reposição de meios da FAB. Mas não é somente por isso que ela se torna importante. A transferência de tecnologia ( independente do que realmente venha e se vier… ), creio que somente pode ser conseguida com a geração 4.5… A partir da quinta geração ( e isso, por hora, quer me parece ser certeza ), não haverá qualquer transferência efetiva de tecnologia. A quinta geração é o auge atual da tecnologia militar aeronáutica e inclui um poder dissuasório que é decisivo; uma verdadeira dissuasão, pois propicia uma vantagem inviolável ( e que até agora não encontrou-se nenhuma medida real para ser combatida com eficácia total ). Assim sendo, nenhuma potência que se preze a ofereceria em um potencial FX-3 que incluísse aeronaves de quinta geração ( não pelo menos até que fosse superada pelas grandes potências ). Ou seja, se o Brasil quer mesmo receber algum conhecimento de aeronaves mais avançadas, terá que ser com esse FX e com uma aeronave de geração 4.5, pois a partir da quinta geração, ou terá que desenvolver algo em conjunto, ou terá que faze-lo por si mesmo; e a geração 4.5 é um caminho natural para a quinta geração…

  5. Até pode dar tijolão, se ele usar bastante chaff e flares do Snowden missile. rs rs rs

  6. Como eu já disse Wolfie, se tem algum culpado pelo fim do FX-2 é o iluminado de Garanhuns….

  7. Se ALGUÉM ainda acha que se pode buscar tecnologia militar e INDEPENDÊNCIA a partir de parceria com a confiável e ÉTICA nação YANKEE então tá bom , vamos gastar BILHÕES dando dinheiro para a Boeing e seus Super Hornets…

    Se depois deste escândalo explícito de trollagem do governo americano na internet SECRETAMENTE CHANTAGEANDO E COAGINDO LEGALMENTE as empresas a violar TODA política de privacidade MULDIALMENTE para fornecer dados e conteúsos aos serviços de ARAPONGAGEM americanos o governo brasileiro tiver a cara de pau de comprar um caça americano…
    Eu desisto…

  8. a França votou contra o candidato brasileiro para a OMC, e fez isso de forma assintosa!!!
    a França mostrou subserviencia absurda aos interesses americanos no caso do avião do presidente da Boliva!!!
    a França não tem mais mostrado interesse na venda dos Rafales!

    os EUA espionaram cidadãos brasileiros! provavelmente membros do governo também foram espionados!!!
    os EUA não são confiaveis para o fornecimento de material militar para paises que não seja aliados figadais deles!!!

    o Grippem entrou apenas para abaixar o preço dos outros competidores!

    se o FX-2 sair mesmo, será um loteria, mas acho que será o F-18, pois já que tem que negociar com um dos 03, que seja com o chefe de todos!!!

  9. Quais dos programas PRISM viriam como opcionais OEM nos sistemas da Boeing?
    O FX2 não dá sorte mesmo, quando está tudo se alinhando para um final, uma bomba como esta da espionage Americana aparece, e pronto, joga tudo pro lixo. Ninguém vai colocar um tostão em um novo SIVAM da Raytheon. O problema de tudo isso, não é o acesso a nosso programa nuclear, VLS, ou programa de submarinos, o problema maior é os caras saberem da safra de grãos, no volume de óleo no campo de Libra, na última descoberta da Embrapa, ou quanto minério a Vale deseja exportar para a China nos próximos anos… Isso sim é penoso e faz os inocentes acordarem.

  10. Não HMS , se houvesse uma relação estratégica , aliada e de confiança, já teríamos fechado a tempos, dinheiro tem e vc sabe disso. E esse tal de FX-2 sequer é caro, aliás é totalmente financiável.

  11. Em tese, a espionagem deveria melar o FX-2 para a Boing, só para eles; em tese lógico.
    O Gripete é fraquinho em tem alguns tentáculos, o Rafale francês não tem nada a ver com isso, além disso temos dois importantes programas de defesa em andamento com os franceses.
    Credibilidade e suas crises …

  12. Depois desse escândalos das espionagens americanas seria quase impossível imaginar uma escolha do SH. As criticas seriam muito pesadas por parte dos políticos, jornais e o povo (é claro), se a escolha for agora então com 99,99% de certeza não será o SH. Se esperarem a puera abaixar, aí o SH pode voltar a te chances.

  13. E o que dizer de todas as falácias da Dassault meu caro Gilberto? E da acintosa campanha francesa contra o candidato brasileiro à OMC? Faça me o favor! Sua militância pró-Rafale tem fundamento apenas na decisão "político-etílica" do iluminado de Garanhuns…..

  14. uns 3 ou 4 meses atras eu concordaria com vc, mas parece que a eleição do Holande melou a relação entre o Brasil e a França! Eu acho que hoje seria mais facil entrar um caça russo que o francês. o governo de esquerda da França está interessado demais em mostrar lealdade aos EUA que o Sarkozy jamais teve!
    Quando o Lula disse que o Rafale seria o vencedor, era porque havia um plano de aliança estrategica em andamento, mas no meio do caminho, suponho, descobriu-se que os franceses tenham prometido coisas que não podem entregar ou recuou de alguns pontos já acertados!!!

  15. Indícios , favoritos…..quantas vezes já não ouvimos essas palavras?

    A verdade é que a presidente só não caiu aquela semana de protestos pois não havia liderança política a favor do povo como na época da queda do Collor e também a falta de visão do EB, ou talvez como eu "quero pensar" o EB cresceu e pensa em fazer apenas o que lhe cabe, e mais nada.

    O que isso tem a ver com o FX da fab?? Simples, esse governinho não irá fazer NADA que não seja para se segurar no poder até fim do ano que vem, veja bem, não irá tentar se reeleger pois eles sabem que a gerenta já era, tudo será feito pra ela chegar no fim do mandato, só!
    Dizem os especialistas que ao constatar nas pesquisas que a Wanda já era, dizem eles que o petralha mor Lulalá será o plano "Manhattan" para a trupe não largar o osso antes do previsto ahahahahah. Mas sinceramente eu não acredito não, acho eu que o chefe não quer arriscar aquilo que ele conquistou que é a imagem de pai dos pobres, semideus e etc…ahahaha

    Adeus fab,

  16. Se sair será com a Boeing..

    Mas a cada dia está mais difícil.

  17. Caro stadeu,

    Se olhar por esse… prisma :), os franceses já traíram a "parceria estratégica" com o Brasil diversas vezes, tanto no campo diplomático como o econômico.

    Resumindo os franceses são aliados de 1ª linha dos americanos, apesar do discurso de independência dos mesmos. E eles tem razões de sobra para serem aliados deles.

    []'s

  18. nem chegou perto de haver ameaça a presidente da republica, os protestos foram centrados em prefeitos e alguns governadores, como o tucano Alkimin e o Cabral do PMDB!

    o foco dos protestos foi o transporte publico, e PEC 37 somente entrou em algumas imagens da TV, que nunca apoiou governo do PT, alias até adulterou debate com Collor em 89.

    o que mais ajudou o governo, foi a oposição tentar assumir o controle das manifestações, elas simplesmente se esvaziaram, mostrando quão fraca e a oposição junto a população!!!

  19. Caro Nick,
    A França é imprevisível, a França é a da Revolução Francesa, a França teu seu próprio parque industrial bélico na Europa, a França possui território na América do Sul, eu não disse que ela não tem seus próprios interesses e não disse que ela inimiga dos EUA e nenhum outro país se propôs a nos oferecer tecnologia submarino e de helis, ainda que deixe a desejar.
    Abs.

  20. A OMC que se dane e Conselho de Segurança também, diga-se de passagem.
    Décadas ficamos com um cabresto psicológico chamado " DÍVIDA EXTERNA E FMI ", a dívida foi paga meu, não devemos m.. nada pra ninguém , pelo menos isso o PT fez de bom, o PT não , nós com nosso dinheiro pagamos isso.
    Agora ficar rastejando por meia duzia de aviãozinhus que ao final do programa todo já estará obsoleto … isso é demais.
    Faça o seguinte amizade , lute pela maior gordura de soberania do teu país … sabe como é ??? a melhor opção estratégica em todo seu conjunto, eu disse em todo o seu conjunto… de histórico ao fornecimento de tecnologia …
    sabe por que ?? Porque só Deus é bom … o resto meu chapa é risco calculado e C'est fini ou Déjà vu ou qualquer raio que parta esses canalhas que não fazem p.. nenhuma pelo país, seu povo e sua defesa .

  21. HMS,

    Realmente o 9 dedos tem alguma culpa, assim como a FAB também, e o povo que não se interessa por defesa também tem, não fez pressão… MAS… MAS… como sempre em tudo na vida existe um "MAS".. os USA também tem um culpa recente que pode ser fatal pra confiança das altas esferas NACIONAIS nas boas intenções dos USA. como fornecedor de defesa…

    O amigo esqueceu o caso das espionagem no Brasil né… eu te digo que a nossa inteligência não esqueceu e nem mesmo nossos militares, que alias ficaram com olhos arregalados para a coisa, inclusive "FABianos"!!

    Isso é um fato, não é retorica politica ou ideológica minha… muitos por aí, que ainda viverem na guerra fria em suas mentes pensam que as altas esferas "relevam" essas espionagens, pois acham que os USA são nosso aliados e vão nos salvar do comunismo por aqui… não é mais assim… ACORDEM… os nosso militares já saíram desse mundo faz tempo, agora é Brasil acima de tudo, muitos reacionários não aceitam, mas é assim, simples assim!!

    Mas se for capacho de nação estrangeira nem tem problema, melhor espionar a gente mesmo né, tá cheio de corrupção, tem que espionar mesmo!!

    Mas o caso agora não foi espionagem de estado, essa existe desde sempre, é normal, a novidade agora foi a espionagem de civis, e isso muda tudo, você com dados dos civis pode fazer chantagem e coerção para que traísse o país em qualquer forma, ou ainda sabote tudo o que puder em sua área de atuação, principalmente se for por causa de corrupção, amantes que podem te fazer perder muito se vem à tona, seus vícios de qualquer tipo que podem te fazer cair em desgraça… isso com civis em qualquer lugar, em clinicas médicas, escolas, usinas hidroelétricas… com cargos no funcionalismo publico ou empresa privada, com níveis para se realizar a manutenção ou operação de bens públicos, como turbinas de aeronaves civis, usinas nucleares, centros de tecnologia, hospitais onde alguém importante por aqui pode morrer “naturalmente” … ISSO É GRAVÍSSIMO!!

    Melhor abrir o olho Brasil… não comprar nada de ninguém e fabricar aqui nossas armas, passando a jogar de verdade o jogo!!

    Valeu!!

  22. As únicas manifestações que esvaziaram foram as chapa-branca organizadas pelas centrais sindicais. Nem pagando bolsa passeata conseguiram mobilizar os trabalhos. Não queira ignorar os fatos Blaya!

  23. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  24. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  25. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  26. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  27. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  28. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  29. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  30. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  31. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  32. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  33. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  34. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  35. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  36. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  37. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  38. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  39. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  40. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  41. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  42. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  43. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  44. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  45. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  46. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  47. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  48. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  49. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  50. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  51. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  52. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  53. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  54. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  55. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  56. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  57. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  58. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  59. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  60. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  61. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  62. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  63. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  64. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  65. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  66. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  67. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  68. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  69. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  70. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  71. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  72. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  73. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  74. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  75. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  76. Como desgraça pouca é bobagem, agora somos brindados com uma reportagem chinfrim, escrita por um anão moral puxa-saco do estadista de sindicato, que brinda o leitor com erros grosseiros de geopolítica e política internacional, onde ele tenta justificar o injustificável ou seja, o delírio "político-etílico"do dia 07/09/2009. Ademais, ainda tenta impingir aos seus leitores (ou zumbis) mais do embuste chamado "Brasil-Putênfia":
    http://www.conversaafiada.com.br/economia/2013/07

  77. Agora sim eu vi alguém que segue os fatos…

    essa espionagem vai prejudicar muita coisa… não podemos correr o risco de ter civis chantageados à serviço de nação estrangeira!!

    Valeu!!

  78. Pô Tireless, está de penitência? Que coisa mais horrorosa de se ler! Sem pé nem cabeça! Eu acho que faltei a aula de interpretação de texto, porque simplesmente não entendi aonde o "chiquinho scarpa" quis chegar.

  79. Não tô de penitência não Gio! Mas estou revoltado com o tipo de desonestidade intelectual praticada por esse anão. Sem falar no texto ruim.

  80. Este cara não tinha sido condenado por calúnia e estava de malas prontas para a cadeia ?

  81. MJBlaya,
    Acho que você não viu o que eu vi então, pois eu vi uma mobilização geral contra o sistema muito mas muito maior que na época do Collor, que como disse só caiu pois havia "oposição" e essa facilitou a exigência das massas coisa que não houve agora.

    A oposição NUNCA tentou assumir o controle das manifestações, essas manifestações foram lindas e limpas. Também vale ressaltar que não há oposição no brasil, nos três poderes!

    Como o HMS disse,
    Piada foi a manifestação politica dos sindicatos, sindicato aqui é uma baita "amante feia" e pouco confiável ahahahahahah

  82. Olha, o que teve de 'oportunista' não tá no gibi! Me dava raiva de ver…

  83. Um país bacana, eficiente, independente tecnologicamente o suficiente… e de gente carrancuda mas com muita mulher chique! rsrsrssrs

  84. e a FAB HMS… a FAB… não seja parcial… a FAB fez uma seleta incompatível… tentou, do mesmo jeito, fazer valer "sua velada escolha"… deu no que deu por isso também… se eu fosse presidente, eu mandava o alto escalão da FAB para a reserva! rsrsrs ah, e todo o GDA e ficava só eu de piloto! e se tu reclamasse eu não te convidava para ser meu "amigo" no GDAbook! rsrsrsr

  85. A FAB também tem muita culpa nessa história.
    Entre outras coisas por aceitar esses M2000 que não servem pra nada…

  86. A FAB vazou para a imprensa um relatorio que ninguém nunca viu! a imprensa querendo mostrar força, fez de tudo para impedir que a compra do Rafale se concretizasse, e contou com "militares que pediam sigilo" para deixar insinuações sem comprovação alguma contra o acordo Brasil e França!

    a primeira consideração quando se trata de compras estrategicas para a defesa e a associação com a politica externa, no Brasil, como na França pré-segunda guerra, há um esforço enorme dos setores mais reacionarios para impedir que o pais tenha sucesso. Basta ver a campanha "PRO" inflação na TV pelos telejornais.

  87. Bonito, pode até ser…

    Mas..

    1. A França não é auto-suficiente em tecnologia. Dizem vocês rafalistas, que o Rafale usa muitos componentes COTS e entre eles os processadores da Intel.

    A Intel é francesa ? NÃO!
    Existe um produto a altura dos processadores Intel na França para substituí-los ? NÃO!
    Existe algum processador em qualquer lugar deste planeta capaz de substituí-los ? NÃO!

    Diga-se de passagem os processadores de uso aeronáutico em naves de combate, só tem em comum com o que você tem dentro do seu pc/videogame, a arquitetura. O resto é modificado para aguentar o "tranco" e as alterações ambientais bruscas ou seja são igualmente regulados pelo ITAR.

    Diga-se de passagem a lista de fornecedores americanos do Rafale é bem extensa…

    2. A Administração pública francesa é quase tão ruim e corrupta quanto a nossa. Não é a toa que o modelo paternalista-vagundo-social deles faliu. A diferença é que o povo lá quebra o pau contra o (des)Governo muito mais rápido que aqui.

    Eu vejo a França como uma Itália melhorada, onde notórios estupradores porque tem cargos altos no (des)Governo não vão para o xadrez.

    3. Francesa bonita é mais mito que realidade. Eu morava em cidade turística e as francesas nem de longe eram as mais bonitas que iam(vão) para Natal. Obviamente uma ou outra sai da curva padrão.

    Prefiro mil vezes as holandesas que além de mais bonitas são muito mais simpáticas.

  88. tá tá tá… já dizia o Prof. Girafales…
    1 – Quer dizer que se os franceses não tiverem o processador IBM/Intel a indústria francesa acaba? e leia bem, falei independência plena? não, aliás, nem mesmo os USA os são, pois tu vai encontrar componentes alemães e, quem diria, até franceses e chineses nos aviões americanos… isso se chama economia… não existe processador comercial fora dos USA pq não vale a pena, são produtos COTS… se um dia França, Russia, Alemanha perceberem que há futuro competir com Intel/IBM nesta área…
    2 – O Rafale tem componentes americanos? claro? e estes componentes estão sujeitos a embargos do fabricante? pode ser! mas vale a pena para eles comprar esta briga? vc sabe que não! aliás, o que se precisa não é um "processador" e sim saber fzer/entnder/manutenir com custos baixos radares, armas, motores?, sistemas diversos, fuselagem supersônicas, compostos… e não cada peça que compõe estas tecnologias…. é isso que vcs confundem as coisas! os USA podem nos passar tudo isso, se quiserem… e torço por isso… o rafale é uma aeronave superior, e nada de incomum, pois foi concebido para ser… mas o SH é uma bela aeronave e já está até demais, olhando bem de perto até o F-16 já é sonho…
    3 – Fosse a França tão mal administrada como a gente (já que não se distingue quem masi rouba aqui…), não seria a segunda economia européia!
    4 – Falei de elegância… se for para partir para "patifaria" prefiro as russas do TÊNIS! rsrsrs

    e vê se relaxa!

  89. "se a escolha for agora então com 99,99% de certeza não será o SH."

    Acho que as parcerias estratégicas estão muito acima desse caso de espionagem. Esse caso será esquecido em breve e logo tudo voltará a ser a mesma coisa. Me lembro que dez anos atrás saiu uma matéria dizendo que o NORAD interceptava comunicações de todo o mundo, portanto para mim esse caso de espionagem não é novidade nenhuma.
    Também prefiro o Rafale para a FAB, mas não tenho certeza se o SH não tem eletrônica menlhor.
    Para os americanos a verdadeira competição é sobre a parte eletrônica e não na performance do caça, por isso não levo tanta fé que o Rafale seja superior, embora saibamos que em desempenho ele é muito melhor que o Superhornet.

  90. imagine as informações coletadas sobre os campos de petróleo caindo nas mãos de um investidor patrocinado pela CIA, bem, o Eike nem precisou disso pra cair, mas muita coisa interessante rola na internet governamental, capacidade de geração de energia, programas de pesquisa, minério, leilão do petróleo, etc. material fértil para quem está mal intencionado… golpesinhos acontecem com informações plantadas ou não… lembram do corre corre sobre o fim do bolsa lula família? O fato de informações classificadas estarem sendo entregues de mão aberta para os arapongas bots americanos é grave. A minha opinião é que este país é tão bagunçado que os softwares reconhecedores de padrão americanos devem ficarem loucos. Acho que as chances do Super Tijolinho Hornet cairam proporcionalmente a este escândalo do Snowden.

  91. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  92. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  93. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  94. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  95. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  96. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  97. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  98. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  99. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  100. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  101. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  102. Nervoso quem fica é você..

    Só gosto de enumerar as suas inconsistências.

    Quem quer uma nave gringos free, são vocês…

    Liga no SAC da Dassault e pede para tirar o processador Intel e vê se o Rafale sai do chão ou melhor pergunta para o Cel Av R1 Justin In Case, quanto custaria e quanto tempo levaria para trocarem os processadores Intel por um made in france/russia/china/iran/venefavela etc..

    A indústria francesa pode não parar, mas vai viver nas cavernas como os russos, que agora descobriram o MFD, quando o ocidente está indo para o full-glass cockpit touch screen.

    Uma coisa é ter alternativas..

    A MacDonnel recisava da EMBRAER para produzir peças para o MD11 ? Claro que não!

    Os americanos o fazem tem para reduzir custos, os franceses não.

    Tem esta política torta deles e agora estão com um abacaxi na mão, fazendo trabalho todo dia com o Pai Gallo para ver se os indianos assinam logo.

    Você nunca parou para pensar o porque da Dassault tendo muito mais tecnologia que a EMBRAER é uma empresa muito menor ?!

    A Dassault, nunca se interessou em ter um plano de negócios e produção moderno.

    Sendo uma empresa menor, porque ela vai fomentar tecnologicamente um concorrente ?

    A sorte da Dassault é ter o (des)Governo francês para sustentá-la, porque a empresa tem um modelo de negócio falido.

    Se é certo ou errado a situação econômica da Europa, quem está dizendo.

    Canso de ler aqui e nos blogs com tendência a exaltação do "Braphil Putência" que a Europa é um lixo e está falida..

    Já não está mais ?

    Se eu fosse francês teria orgulho da indústria do meu país, mas como eu não sou e pago o maldito DARF todo mês não quero viagem na maionese com a minha "mensalidade".

    PARCERIA SE FAZ COM QUEM TEM PODER, TECNOLOGIA E DINHEIRO..

    NÃO SE FAZ COM O SUBALTERNO..

    FRANÇA, INGLATERRA, ALEMANHA, JAPÃO, ETC..

    TEM BOAS TECNOLOGIAS, PARA O NOSSO PADRÃO, MASSSS SÃO DEPENDENTES DOS AMERICANOS.

    SE VAMOS FICAR DEPENDENTES QUE SEJA DA MATRIZ E NÃO DA FILIAL.

    Já parou alguma vez para pensar o quanto de concessões estes aliados fazem aos americanos ?

    O Brasil quer tudo, mas nunca aceita ceder nada.

    Quer ser grande, sem ter condições, quer ter nariz empinado sendo anão..

    O Brasil só aceita ceder para a Bolívia, inclusive para revistarem avião com o MD dentro dele.

    A EMBRAER, está fazendo o jogo certinho..

    Se aliou com a Boeing, com outros projetos que não o FX e vai tocando o barco, com anuência do GF e vai ser um toma la da cá..

    Ano que vem tem eleição e a EMBRAER é grande contribuinte de campanhas.

    Ahhhh ia esquecendo..

    O http://www.rafale.com.br já pararam de pagar o provedor..

    Quer indício maior que este aí foi pro saco ?

    Quero ver quando a SAAB cortar a verba de certos sites como vão ficar ahahaha

  103. São bem relevantes tais fatos e serão considerados pelos bolivarianos, imagina alguma coisa do mensalão sendo trocado no alto escalão do governo federal, e estas informações acessadas pelo NSA, :D, complicado eim para nenhum bolivariano botar defeito. Eles estão com o C@ na mão.

  104. somente no seu mundinho a Força Sindical apoia o PT!!!

    as manifestações aumentaram de tamanho no dia que a PM de SP reprimiu desnecessariamente uma passeata!
    as manifestações organizadas pelo MPL sempre se centram no transporte publico, somente a TV falou de PEC.

  105. Rodrigo, boa noite.

    Os processadores usados no Rafale, assim como na maioria das aeronaves militares atuais são PPC. São fabricados em muitos países, inclusive na França.
    É importante não acreditar cegamente no que está escrito nos blogs. Sugiro que você verifique as informações postadas, inclusive esta que coloquei.
    A lista de fornecedores não-franceses do Rafale é ridícula, comparada com a dos itens nacionais. Uso de componentes de outras origens ocorre apenas no caso de sistemas utilitários de uso comercial, que não são sujeitos a restrições de fornecimento.
    Abraço,

    Justin

  106. quantas faixas foram mostradas contra a Dilma ou o Lula? nenhuma!

    quantas manifestações pediram pelo fim dos programas sociais do governo?

    a oposição tentou sim!!! desculpe, mas somente não conseguiram, como também não conseguiram as organizações de esquerda!!!

  107. Amigo… agora eu sei quem é "vois mercê"!!

    Vê se muda o nome lá na outra postagem igual a essa… fica meio obvio pra constatar identidade!!

    A menos que esteja vendo chifre em cabeça de cavalo!!

  108. tudo certo… pena, Rodrigo, é que o mundo não é só os USA! "infelizmente", para alguns, eles ainda são brasileiros e com "S"… idem para outras nações/continentes… acho que tu precisa entender mais de política de negócios… que não é só a economia que se faz presente! que existe a parte estratégica do negócio!… tu fala que a Dassault é dependente do governo francês… pode a té ser… mas e a EMBREAR? não fosse o GF/FAB/BNDES esta empresa, não mais eficiente que a outrora Petrobrás, não seria NADA! usas 2 pesos e 2 medidas! diz ser "torcedor" do Brasil, mas te entrega aos "propósitos" americanos, sem dó… com se estes quisessem o bem do resto da humanidade e não lucrar e lucra mais… e não deter mercado…
    Sobre o Rafale, o que te incomoda é que o avião é muito bom! apenas isso… pela tua lógica avião russo não sairia do chão… O Rafale foi concebido levando em conta os processadores/componentes americanos disponíveis… assim como fazem o mundo todo! O melhor, mais inteligente e poderoso MBT não é americano, e não precisaria dos USA para existir! se tem componente americano nele? deve ter… poderia ser de outro país? claro! Assim é o Rafale e assim funciona a indústria bélica francesa! não se venderam como fizeram os ingleses, que hoje vivem de migalhas tecnológicas… caso os USA tivessem negado processadores aos franceses, este já teriam os seus a um bom tempo! pq será que os USA ainda não desenvolveram um café nato deles, sendo os maiores consumidores do produto? pq não vale a pena!!!! e engraçado que tu fala muito de custos…
    Eu nunca me iludi com Rafale no Brasil, sempre falei isso, para mim, F-16 já tá de bom tamanho! e para ti?! se não der algo americano, corta os pulsos! rsrsrsrs
    Cara, tu fala mais do mesmo, sempre… que os USA são os líderes mundiais em quase tudo… e blá-blá blá… mas nem por isso o mundo vai parar! a tempestade mundial hoje é fruto também dos desmandos americanos… não fosse o dólar padrão mundial de moeda, a coisa estaria bem diferente! eu, se pudesse, moraria nos USA e viveria muito bem sob o regime capitalista, mas isso é posição particular minha… não fecho meus olhos para o resto do mundo!

  109. Com esta história de espionagem dos EUA no Brasil,a compra do F 18 foi pro ralo.O Patriota disse em entrevista que não ficou satisfeito com as explicações dos EUA.Os EUA não saõ parceiros confiaveis,na verdade acho que nenhum país seja,então por exclusão,pode até ser que mais adiante venha alguma novidade por aí.Se o EF 2000 não fosse tão caro ……

  110. ele sabe disso… mas a verdade dói! rsrsrsrs “como ousam os Franceses! já que nós, americanos e russos, ficamos com “tudo de bom” da Alemanha nazista”! rsrssrs
    Caras como Rodrigo ainda acreditam que certas tecnologias não podem ser “compradas”… o que não falta no mundo é americano querendo se vender por uma “aposentadoria bacana”… além de outros “cidadãos” mundo afora…

  111. ele sabe disso… mas a verdade dói! rsrsrsrs "como ousam os Franceses! já que nós, americanos e russos, ficamos com "tudo de bom" da Alemanha nazista"! rsrssrs
    Caras como Rodrigo ainda acreditam que certas tecnologia não podem ser "compradas"… o que não flata no mundo é americano querendo se vender por uma "aposentadoria bacana"… além de outros cidadãos mundo afora…

  112. Será que estamos falando da mesma pessoa? Acho que você está vendo chifre em cabeça de cavalo….

  113. Condenado igual a Veja já foi, e mais de uma vez??… e os jornalistas da Veja foram pra cadeia, estão la no chilindró??

    O pessoal só fala de um lado da moeda né… o lado que prejudica a causa deles não é citado nunca né!!

    E olha essa:

    "Joaquim Barbosa, que na última semana protagonizou uma forte discussão com Mendes, suspendeu uma licença médica para poder participar do julgamento. Para o ministro, uma injúria feita através de um veículo de comunicação é muito mais grave que uma ofensa comum, e, portanto, precisa de punição mais dura do que a prevista no CPP (Código de Processo Penal). “Quanto maior o alcance do veículo autor da calúnia e da difamação, maior é o dano”, observou."

    Tem muitas condenações a Veja, por danos morais, calunia, difamação, etc… mas ainda não vi nenhum deles na cadeia, fica tudo na multa… não coloco os links porque o anti virus vai bloquear a postagem.

    Valeu!!

Comments are closed.