A nova versão do LM-100J, a FireHerc, destinada a combater incêndios. (Foto: Lockheed Martin)

A Lockheed Martin apresentou hoje no Farnborough International Airshow o LM-100J “FireHerc”, uma variante civil certificada para combate a incêndios da aeronave comprovada C-130J Super Hercules, escolhida por 18 nações em todo o mundo.

O LM-100J é o modelo de produção de transporte aéreo comercial do C-130J Super Hercules e uma versão atualizada do cargueiro L-100 Hercules comercial. O LM-100J está voando e em exibição estática no Farnborough Air Show deste ano.

Os C-130 Hercules legados, C-130J Super Hercules e o L-100 voaram milhões de horas em apoio a missões de operadores militares e civis em todo o mundo por mais de 60 anos, o que inclui apoiar missões de combate a incêndios por mais de 40 anos. O LH-100J FireHerc baseia-se nesta experiência comprovada e oferece recursos avançados para suportar os requisitos de combate a incêndio aéreo nas próximas décadas.

“Com a presença de incêndios florestais aumentando em escala global, há uma necessidade em tempo real de fornecer ativos mais avançados para proteger nossas pessoas, comunidades e meio ambiente”, disse George Shultz, vice-presidente e gerente geral da Air Mobility & Maritime Missions da Lockheed Martin. “Como uma variante do C-130J Super Hercules, o FireHerc oferece uma poderosa combinação de vantagens de desempenho estabelecidas e de tecnologia inovadora que realmente mudará a forma como combatemos e derrotamos incêndios florestais.”

O Hercules desempenha um papel vital no combate a incêndios, dispersando o retardante para conter e controlar incêndios em locais com terreno complexo e condições operacionais comprometidas. Os potentes motores turboélices e o perfil de asa reta do FireHerc permite que a aeronave se sobressaia no suporte a esse desafiador perfil de missão de combate a incêndios de baixa velocidade e baixa altitude, como nenhum outro grande avião do tipo em operação.

Dentre as vantagens adicionais do FireHerc estão:

  • Aviônicos avançados no convés de voo que proporcionam excelente consciência situacional e recursos de segurança modernos para proteger e orientar as tripulações de voo em condições desafiadoras.
  • A capacidade de suportar duas soluções diferentes de dispersão retardadora: a linha de produtos Coulson Aviation RADS, à base de gotas de gravidade, ou a dispersão do tipo de pressão Modular Aerial Firefighting System II (MAFFS II). Ambos foram certificados pelo Serviço Florestal dos EUA na plataforma Hercules para atender aos padrões rígidos de cobertura do solo.
  • Um caminho para apoiar o combate a incêndio noturno com tecnologia integrada avançada, permitindo que os profissionais de combate combatam incêndios em um ciclo ininterrupto de 24 horas por dia, 7 dias por semana – proporcionando uma vantagem inigualável para proteger a natureza.
Anúncios

7 COMENTÁRIOS

  1. Uma vergonha o Brasil não contar com aeronaves dedicadas ao combate a incêndios.

    • Alguns estados usam o Air Trator.

      A FAB já emprega o Hércules com um kit de conversão.

Comments are closed.