1000w q95 6 - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativo
Um P-3C Orion atribuído aos “Fighting Marlins” do Esquadrão de Patrulha (VP) 40 taxia a linha de vôo que retorna de uma instalação rotacional de seis meses em Ault Field. O regresso do “Fighting Marlins” marca o implantação final em serviço ativo do P-3C Orion com a transição para o P-8A Poseidon como sua substituição, encerrando mais de 60 anos da história operacional do P-3C Orion na Marinha dos EUA. (Foto: U.S. Navy / Mass Communication Specialist 2nd Class Marc Cuenca)

Uma era da história das aeronaves navais chegou ao fim no dia 10 de outubro, na Estação Aérea Naval de Whidbey Island, Washington, quando o último P-3C Orion da ativa da Marinha dos EUA realizou o último voo.

“Isso é grande coisa”, disse o capitão Kevin Long, comodoro da Ala de Patrulha e Reconhecimento 10.

Ele estava perto da pista em Ault Field, onde uma multidão havia se reunido para recepcionar o retorno para base do último P-3C Orion em serviço ativo que chegava de sua implantação final no Bahrein.

1000w q95 7 1 - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativoA aeronave, que entrou em uso pela primeira vez durante a Crise dos Mísseis em Cuba, levou o Esquadrão de Patrulha (VP) 40 “Fighting Marlins” para um destacamento dividido no exterior. Quando o avião de apoio taxiou em direção à multidão, foi cerimoniosamente recebido por dois carros de bombeiros da Marinha.

A Marinha começou a usar o P-3C em 1962 e continuou a desempenhar um papel em todos os grandes conflitos desde então.

Cmdr. Joe Parsons, diretor executivo do VP-40, disse que a durabilidade e resistência do Orion são o motivo pelo qual passou no teste do tempo. A aeronave com quatro motores turboélices permitem que ele permaneça operacional, mesmo que um de seus motores funcione mal, e como o Orion não é capaz de reabastecer no ar, ele foi projetado para poder voar por 10 ou 12 horas por vez, disse ele.

1000w q95 9 1 - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativoNo entanto, ficou claro que é hora de mudar. Ele disse que muitas das peças usadas no Orion não estão mais disponíveis e alcançaram sua capacidade para atualizações modernas.

Em 2012, a Marinha recebeu seu primeiro P-8A Poseidon, o substituto do P-3C. O VP-40 é o último esquadrão a fazer a transição para a aeronave mais nova, construída pela Boeing.

Coincidentemente, o retorno dos VP-40 a Whidbey foi atrasado porque seu Orion teve problemas no motor, segundo oficiais da Marinha. Como não restam muitas peças de reposição para a aeronave, um Poseidon precisou levar o equipamento necessário para o esquadrão para que o P-3C pudesse terminar sua jornada.

1000w q95 10 - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativo“A confiabilidade do P-8 é magnífica”, disse Parsons.

Com seus problemas mecânicos à parte, Parsons disse que se sente grato por fazer parte do legado do Orion, que inclui guerra antissubmarina, inteligência marítima, vigilância e reconhecimento.

A aeronave participou do bloqueio de Cuba em 1962 e mais tarde foi usada para rastrear mísseis balísticos e submarinos soviéticos durante a Guerra Fria. Para os conflitos ultramarinos modernos, o Orion foi adaptado para realizar operações antinarcóticos e vigilância terrestre.

19009588 web1 S Newspaper clipping - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativoO primeiro Orion chegou na estação de Whidbey Island em julho de 1969. O esquadrão VP-1 foi o primeiro na localidade a fazer a transição do P-2 Neptune para o P-3.

A aeronave foi elogiada na época por seu espaço adicional e por ter ar condicionado, de acordo com um artigo de 1969 da Prop Wash.

O esquadrão da Reserva Naval, VP-69, não está programado para aposentar o P-3C durante 2019. O VQ-1 também continuará operando a aeronave EP-3E ARIES II SIGINT (Signal Intelligence) até que o veículo aéreo não tripulado MQ-4C Triton seja implantado em número suficiente com capacidade de inteligência de sinais.

Parsons aguarda ansiosamente a transição para o Poseidon, que ele disse que poderá ser atualizado mais rapidamente.

1000w q95 11 - FIM DE UMA ERA: Marinha dos EUA aposenta último P-3C Orion no serviço ativo“À medida que a tecnologia melhora, o P-8 acompanhará o ritmo mais rapidamente”, disse ele.

Este mês também marcou a conclusão da primeira implantação do VP-9 com o Poseidon, de acordo com Long.

“Hoje é um grande dia”, disse Long. “10 de outubro entrará na história.”

Anúncios