Aeronave Tu-134UBL ‘Pérola Negra’ da Marinha Russa.

A Força Aérea Belga divulgou uma foto de um raro e único avião russo Tu-134UBL “Crusty-B”, apelidado de ‘Pérola Negra’ por causa de sua cor, quando ele sobrevoava o Báltico. Confira a imagem a seguir.

De acordo com a Força Aérea Belga, a aeronave Tu-134 UBL (RF-12041) é comumente usada para treinar pilotos e navegadores de bombardeiros estratégicos com capacidade nuclear Tu-160 e Tu-22M3.

O Tupolev Tu-134UBL (nome de relatório da OTAN: Crusty-B) foi desenvolvido com base no jato de passageiros Tu-134 no início dos anos 90 para treinar pilotos e navegadores dos bombardeiros estratégicos Tu-160 e Tu-22M3, com cerca de 90 dessas aeronaves sendo produzidas entre 1981 e 1984.

O avião em questão recebeu um nariz pontudo, igual ao dos bombardeiros, e pintura em preto, que se tornou o motivo do apelido.

A parte do nariz estendido do ‘Pérola Negra’ é usada para hospedar radar e outros equipamentos.

No entanto, desde 2017, o Pérola Negra está sendo usado pela Marinha Russa apenas para tarefas de transporte de passageiros, não deixando de ser uma aeronave única e rara de ser fotografada.

A operação da aeronave Tu-134UBL foi retomada no início de 2019, após uma grande revisão e atualização realizada em uma fábrica de aviação civil perto da cidade de Minsk.

Anúncios

1 COMENTÁRIO