Boeing 777-200 da Saudi Arabian, com problema no trem de pouso (Foto: Mark Hsiung)
Boeing 777-200 da Saudi Arabian, com problema no trem de pouso (Foto: Mark Hsiung)

No dia 28 de novembro, um Boeing 777-200 da Saudi Arabian, prefixo HZ-AKD, efetuando o voo SV-22, do aeroporto JFK em Nova York (EUA) para Riyadh (Arábia Saudita), inciou o processo de subida após decolar do aeroporto JFK, quando a tripulação solicitou manter o nível de 7.000 pés devido a um problema no trem de pouso principal esquerdo, que permaneceu com a porta do compartimento aberta, e então requisitou vetor radar para retornar ao aeroporto.

Momento que o 777-200 da Sauda Arabian efetuava o despejo do combustível (Foto: Mark Hsiung)
Momento que o 777-200 da Sauda Arabian efetuava o despejo do combustível (Foto: Mark Hsiung)

Após informar o retorno, a tripulação informou que primeiro faria o despejo do combustível, solicitando o nível de 11.000 pés para efetuar o processo que durou 20 minutos. A aeronave pousou em segurança na pista 31L do JFK, após 50 minutos de sua decolagem e posteriormente taxiou para o gate, onde os passageiros foram desembarcados e depois embarcados em outra aeronave.

Com informações do Aviation Herald

Anúncios