As aeronaves Super Tucano estão voando nas cores da Esquadrilha da Fumaça desde 2012.

Após 30 anos de serviço e 2.363 demonstrações com a aeronave T-27 Tucano, em 2013, a Esquadrilha da Fumaça deu início à implantação da sua nova aeronave: o A-29 Super Tucano. Foram dois anos de estudos e treinamentos, sem agenda para apresentações públicas, o que deixou a muitos ansiosos para a reestreia. No dia 03 de julho de 2015, o Esquadrão se reencontrou com o público, que pedia pelo seu retorno, em uma demonstração na Academia da Força Aérea (AFA), em Pirassununga/SP, durante a cerimônia de entrega de Espadins aos cadetes da turma Jaguar em seu primeiro ano de curso.

De lá para cá, todas as regiões do Brasil foram visitadas pelo time com essa aeronave, além de quatro países da América do Sul, que testemunharam o trabalho da Força Aérea Brasileira (FAB) pelas asas da Fumaça. A primeira demonstração pública ocorreu em 11 de julho de 2015, em Maringá.

São 200 demonstrações realizadas com o A-29 Super Tucano, a serem completadas no próximo dia 6 de julho na cidade de São José do Rio Preto/SP. A centésima, por sua vez, foi realizada em março de 2018, na cidade de São Gabriel/RS, durante circuito pela região sul do Brasil.

O Coronel Aviador Marcelo Gobett, Comandante da Esquadrilha da Fumaça entre 2013 e 2015, participou de toda a implantação da aeronave no Esquadrão e lembra bem da espera para realizar a primeira demonstração. “Após mais de dois anos de intensa atividade e inúmeros obstáculos superados, a expectativa para a primeira demonstração com o A-29 Super Tucano era muito grande. Pilotos e Anjos da Guarda sentiam-se seguros e orgulhosos em apresentar, pela primeira vez, o resultado de uma longa jornada de trabalho: um show aéreo belo e seguro, impressionante para uma aeronave de características e desempenho tão diferentes de seu antecessor, o consagrado e mítico T-27 Tucano”.

A última demonstração do T-27 Tucano ocorreu em 28 de maio de 2013, quando após isso, o esquadrão ficou focado no treinamento com as novas aeronaves A-29. Os primeiros A-29 chegaram em Pirassununga em outubro de 2012. O Cavok foi o primeiro site a noticiar a chegada das aeronaves A-29 Super Tucano para o EDA.

A reestreia, em 2015, numa cerimônia militar, repetiu um fato histórico ocorrido em 1983. À época, o Esquadrão havia acabado de receber as aeronaves T-27 Tucano e a sua estreia também ocorrera em formatura dos cadetes da AFA. “Ao pousar, tivemos a melhor das sensações: a da missão cumprida”, relembra o Coronel Marcelo Gobett. Também presente no primeiro voo com o Super Tucano estava o hoje Tenente-Coronel Aviador Marcelo Oliveira, que voou na estreia como posição #7, e é o atual Comandante da Esquadrilha da Fumaça. “A implantação do Super Tucano, com certeza, estará marcada como um dos grandes momentos, dentre vários outros, que fizeram parte do desenvolvimento desta singular unidade da FAB. Representar o profissionalismo e a capacidade da Força são algumas de nossas atribuições, e o A-29 nos possibilitou cumpri-la de uma forma ainda melhor”, afirma o Comandante.

Diferente do seu antecessor, o A-29 é uma aeronave desenvolvida e concebida para missões de ataque ao solo e interceptação de aeronaves leves, contribuindo nas ações da FAB de vigilância das fronteiras brasileiras. Para tal, outros três esquadrões da Força Aérea operam o Super Tucano: o 1º/3º GAV – Esquadrão Escorpião (sediado em Boa Vista/RR); o 2º/3º GAV – Esquadrão Grifo (sediado em Porto Velho/RO) e o 3º/3º GAV – Esquadrão Flecha (sediado em Campo Grande/MS).

Além desses esquadrões, na cidade de Natal/RN fica sediado o Esquadrão Joker (2º/5º GAV), responsável pela formação dos pilotos de caça da FAB e que também opera o A-29. No Esquadrão está o hoje Aspirante Aviador Paulo Rovéglia que assistiu, como Cadete, a primeira demonstração da Fumaça enquanto recebia o seu Espadim na AFA, pela Turma Jaguar. Hoje realizando o Curso de Especialização Operacional na Aviação de Caça, ele nos conta que a Esquadrilha da Fumaça sempre lhe serviu de inspiração para ser piloto da FAB. “Ter o privilégio de apreciar uma apresentação da Fumaça para a minha turma, num momento marcante para nós, foi muito emocionante. Ressalto que hoje estou realizando o curso de pilotos de caça muito inspirado pela habilidade e profissionalismo dos fumaceiros.”

Também da Turma Jaguar e testemunha da primeira demonstração com o A-29 Super Tucano em 2015, estava o hoje Aspirante Aviador Gustavo Freitas, que atualmente realiza o Curso de Especialização Operacional em Asas Rotativas, no 1º/11º GAV, Esquadrão Gavião, na cidade de Natal/RN. “Após tanto tempo de espera, ver a Esquadrilha da Fumaça renovada, em novas cores e sons, fez o meu coração bater mais forte e tornou ainda mais singular o nosso recebimento do Espadim”, lembra o Aspirante.

O Super Tucano é a quinta aeronave a ser operada pela Esquadrilha da Fumaça desde a sua criação, em 1952. Além dela, ao longo dos seus 67 anos de existência, o Esquadrão utilizou as aeronaves T-6 Texan (1952 – 1976), o T-24 Fouga Magister (1969 – 1973), o T-25 Universal (1980 – 1983) e o T-27 Tucano (1983 – 2013), sendo esta última a que voou por mais tempo com o Esquadrão, por trinta anos.

É missão da Esquadrilha da Fumaça divulgar a imagem institucional da Força Aérea Brasileira por meio das demonstrações aéreas, no Brasil e no exterior. Dentre as suas várias atribuições, estão as tarefas de expor o profissionalismo dos seus militares, a tecnologia nacional, valorizar o sentimento de patriotismo e expor a capacidade aérea da FAB.


Fonte: EDA – Tenente Marcus Lemos – Edição: Cavok

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. A missão do EDA é nobre. Levar a FAB e as cores do Brasil nos céus do país e do mundo. Deixo aqui uma opção para os F-5EM quando derem baixa, uma segunda Esquadrilha do EDA com os F-5EM assim como a Patrouille Suisse por exemplo. Não são apresentações que demandam muito da estrutura como os Blue Angels. Eternizaria os Mike e o show seria espetacular.

  2. Entre muitas outras que já havia assistido, me lembro muito bem de quando assisti em Anápolis uma das primeiras apresentações da Esquadrilha da Fumaça com o Super Tucano.
    Fantástico e irreparável como sempre, um espetáculo que nos enche de orgulho e faz o coração bater mais forte.
    Parabéns a todos os fumaceiros e vida longa a Esquadrilha da fumaça!
    Fumaça.. Já!

Comments are closed.