O helicóptero leve AC311A desenvolvido pela Avicopter.

O recém-desenvolvido helicóptero utilitário leve AC311A, da China, completou seus testes de voo no planalto, de acordo com seu desenvolvedor informou no sábado.

O modelo de helicóptero leve na classe de duas toneladas conduziu 41 horas de testes, em 91 voos, em três aeroportos do planalto, disse a Avicopter, subsidiária da estatal Aviation Industry Corporation of China (AVIC).

Esses testes de voo em planalto foram realizados, respectivamente, nos aeroportos de Gonghe e Yushu, na província de Qinghai, noroeste da China, e no aeroporto de Yuzhong, no noroeste da província de Gansu.

Estes aeroportos de planalto estão localizados em altitudes que variam de 2.000 a 4.000 metros.

O AC311A realizou vários testes de voo, como manobras e voos pairados perto do solo, visando testar suas capacidades de prevenção de ventos cruzados em várias altitudes nos ambientes de planalto.

O modelo está equipado com o motor de helicópteros Turbomeca ARRIEL 2B1A e um sistema integrado de aviónica, com um peso máximo na decolagem de 2,25 toneladas e um teto máximo de 6.000 metros.

O modelo atende às crescentes demandas da China no setor de aviação geral por aeronaves a serem usadas para patrulhamento de fronteiras, cumprimento da lei, missões de resgate e socorro e combate a incêndios florestais.

A Avicopter está agora entre os principais fabricantes de helicópteros do mundo, com mais de 50 modelos em 12 séries.


Fonte: Xinhua

3 COMENTÁRIOS