Um vídeo registrou a chegada de mais um candidato na competição HX da Força Aérea Finlandesa. Dois caças F-35A da Força Aérea dos EUA pousaram em Pirkkala no escuro da noite de domingo, dia 09 de janeiro.

Os testes e avaliação do caça multifuncional da Lockheed Martin no HX Challenge deveriam começar na Base Aérea de Satakunta, em Pirkkala, na sexta-feira, mas a tempestade que assola o Oceano Atlântico junto com o Furacão Ciara atrapalharam os planos. Os testes devem começar hoje.

Os caças haviam saído na quarta-feira da Base Aérea de Luke, Arizona. A primeira parada foi na base da Força Aérea em Fort Worth, no Texas. Já naquele momento, o esquadrão teve que fazer alterações nos planos de travessia oceânica devido a dados das tempestades.

Os caças tiveram que esperar por dois dias na costa leste da América do Norte, na Base Aérea de Winnipeg, Canadá, aguardando melhoria das condições climáticas. Embora os caças pudessem completar o voo nestas condições, os aviões-tanques que dariam apoio na rota ??não puderam decolar devido à tempestade.

Um reabastecimento ar-ar bem sucedido também demandaria um tempo bom. Uma aeronave C-17 Globemaster III acompanhou os dois caças.

Após os F-35A da Lockheed Martin, o Boeing F/A-18F Super Hornet será o próximo a ser testado. Já passaram pelos testes no frio da Finlândia os caças Eurofighter, Rafale e Gripen.

Esta avaliação conhecida como HX Challenge serve para decidir a compra de um novo caça na mais cara aquisição de armas da história finlandesa, substituindo 64 jatos F/A-18 Hornets que executam a tarefa de defesa aérea finlandesa.

O número de caças a comprar não está definido, mas os concorrentes devem declarar quantos jatos podem substituir a atual frota de defesa aérea gerida pelos Hornets atuais.

Anúncios

1 COMENTÁRIO