O motor General Electric CT7 do Saab 340, após perder a hélice em voo.

Uma aeronave turboélice Saab 340, com 16 passageiros e três tripulantes a bordo, da companhia aérea australiana Regional Express (Rex), perdeu uma de suas duas hélices em voo e precisou realizar hoje um pouso de emergência no aeroporto de Sydney.

Pela manhã, os pilotos fizeram um pedido de emergência ao controle aéreo para informar que haviam perdido a hélice do motor General Electric CT7 direito, a cerca de 16 km do aeroporto, e continuaram até o pouso às 12h05, hora local. A hélice caiu numa área nos arredores de Sydney, mas não feriu ninguém.

Os pilotos supostamente agiram calmamente, conforme relatos dos pilotos a agência ABC News:

  • “A hélice acabou de cair da aeronave e aguardamos mais instruções”, disse um piloto.
  • “REX 768… nossa hélice acabou de ser cortada”, continuou os pilotos.
  • “Nós temos controles normais, e ainda somos capazes de voar sem problemas para pista 16 direita, e somos capazes de conduzir um pouso de emergência com segurança.”

O Australian Transport Safety Bureau (ATSB) está investigando o incidente.

A aeronave Saab 340 da Rex sendo rebocada após o pouso em Sydney. (Foto: Grahame Hutchison / www16Right)

Grahame Hutchison (www16Right), um fotógrafo de aviação, fotografou o avião que perdeu a hélice no aeroporto de Sydney, quando ele era rebocado no terminal, depois que seus passageiros desembarcaram.

Em um comunicado, um porta-voz do Rex disse: “A tripulação seguiu os procedimentos operacionais padrão e o avião pousou normalmente e dentro do horário no aeroporto de Sydney”.

A Regional Express é a maior companhia aérea regional independente da Austrália e opera uma frota de mais de 50 aeronaves Saab 340, realizando 1.500 voos semanais para 58 destinos em todo o país.

A aeronave Saab 340 “VH-NRX” da Rex que perdeu a hélice, estava operando o voo ZL768, vindo de Albury.

4 COMENTÁRIOS

    • Só que não, caro RogérioCuritiba!! Neste caso, a SAAB fez o 340, mas quem fez o motor é a GE; por outro lado, que fez a hélice é… bom, sei lá!!

      De qualquer forma. creio que tenha sido um problema de manutenção… ou a sua falta. Convenhamos, uma hélice soltando assim "no más" lembra-me de um velho problema com as rodas traseiras dos VW "a ar" que tinham o "costume" de se soltar do cubo de roda, normalmente por problema de porca frouxa.

      • O Embraer E-120 Brasília teve 3 acidentes por perda de partes da hélice, a mesma do SAAB 340, dois com mortos nos EUA.
        Mas a Embraer foi inocentada nas investigaçoes e o fabricante das hélices Hamilton Standard providenciou uma correção para o problema.
        Este foi um dos acidentados nos EUA com mortos, no Brasil um da Nordeste teve o mesmo problema mas conseguiu pousar.
        http://www.aviation-accidents.net/atlantic-southwest-air...

        "On 25 August, the US Federal Aviation Administration ordered the removal from service of all EMB-120 blades inspected and repaired under a previous airworthiness directive (AD). About 20 14RF-9 blades were affected, Hamilton Standard says.

        At the same time, the FAA ordered that all 14RF- and 14SF-series blades inspected and repaired under the earlier AD be re-inspected. This affected some 350 blades on several aircraft types, including the ATR 42/72, CASA/IPTN CN-235, de Havilland Dash 8 and Saab 340." FlightGlobal

Comments are closed.