O Tejas LSP-3 decola para o primeiro voo. (Foto: DRDO)

A terceira aeronave pré-série (Limited Series Production (LSP) 3) do HAL Tejas LCA (Aeronave Leve de Combate), decolou pela primeira vez ontem, dia 23 de abril. Essa é a nona unidade de testes que foi integrada aos outros protótipos que estão efetuando os testes de voo para o desenvolvimento da Aeronave de Combate Leve Tejas buscando a liberação operacional para entrada na Força Aérea da Índia no final do ano.

O primeiro voo do Tejas LSP-3 partiu de Bangalore, na sede da fabricante HAL. (Foto: DRDO)

A aeronave Tejas LSP-3 é uma salto imenso em termos de equipamento instalado na aeronave. A aeronave é quase a configuração final, incluindo novos computadores de dados de voo, radar multimodo (MMR) Israeli Elta, novos equipamentos de comunicação e navegação e receptor de aviso radar (RWR). Com o sucesso de voo, o programa LCA está bem perto de receber a Liberação de Operação Inicial (IOC), que deverá ser atingida em dezembro. Os esforços remanescentes é na maioria voos de testes e demonstração de sensores e desempenho dos armamentos.

O piloto do Tejas LSP-3, Comandante de Ala G Thomas, e a equipe de técnicos da ADA e da HAL após do sucesso no voo. (Foto: DRDO)

A aeronave de teste foi pilotada pelo Comandante de Ala G Thomas, do Centro Nacional de Voo de Teste (NFTC). Para acompanhar o primeiro voo, uma aeronave Tejas de treinamento também decolou, com os pilotos, Capitão RR Tyagi, o chefe dos pilotos de teste e o Comandante de Ala (Reserva) PK Raveendran SC, o diretor do grupo de Testes de Voo. O voo foi todo conduzido pela estação de telemetria no solo da Aeronautical Development Agency (ADA), a projetista da aeronave. O voo partiu do aeroporto da HAL (Hindustan Aeronautics Ltd.) em Bangalore e todos objetivos do voo foram alcançados durante os 52 minutos de duração.

O primeiro voo da terceira aeronave pré-série do Tejas teve uma duração de 52 minutos. (Foto: DRDO)

Com esse voo, o número total de horas de testes acumulou, entre as nove aeronaves do programa Tejas, o número de 1.350 e registrou cerca de 800 horas de voo.

Anúncios