As avaliações de voo levaram duas aeronaves de teste do A330neo para locais em todo o mundo. (Foto: A. Doumenjou / Airbus)

O A330neo está demonstrando sua capacidade como o mais novo membro da família A330 bimotor comprovada e altamente confiável da Airbus, com os testes de voo continuando antes de sua entrada planejada para o serviço no terceiro trimestre de 2018.

Testes nas altas temperaturas no México. (Foto: A. Doumenjou / Airbus)

Dois aviões de teste registraram mais de 700 horas em voo em mais de 200 voos realizados até o dia 10 de abril, de acordo com o integrante da equipe A330neo de integração de aeronaves e testes de voo (IPT), Jean-Christophe Bonjour.

Ele observou que os testes de voo cobriram o mundo, incluindo as validações de clima frio no Cazaquistão em temperaturas de -27°C, testes de congelamento natural nos Estados Unidos, avaliações de pouso na Irlanda, uma campanha em aeródromos de elevada altitude de 2.400 metros na Bolívia, e testes de clima quente recentemente concluídos no México, que alcançaram temperaturas de até 37°C.

Crawford Hamilton, chefe de marketing do A330, disse que o A330neo completa a linha de produtos de última geração da Airbus, que começa com o A320neo (A319neo, A320neo e A321neo), aumenta de tamanho com o A330neo (incluindo o A330-800 e o A330-900), seguido pelo A350 XWB (com o A350-900 e A350-1000) e completado com o A380.

Testes em temperaturas negativas no Cazaquistão. (Foto: H. Goussé / Airbus)

“Com todas essas aeronaves, temos uma família real com capacidade de 140 a mais de 550 passageiros”, explicou Hamilton. “Os pilotos que voam uma dessas aeronaves estão equipados para voar com eles, graças à semelhança operacional única da Airbus, e a versatilidade das aeronaves oferecem o alcance e a flexibilidade para qualquer tipo de operação aérea.”

A nova geração do A330neo, com motores Rolls-Royce Trent 7000 altamente eficientes, tem uma envergadura mais longa com os novos Sharklets de alta eficiência e incorpora a inovadora cabine Airspace da Airbus que também está presente no A350 XWB. Esses elementos combinados oferecem o avião de dois corredores de porte médio mais eficiente e confortável do mundo.

Melhorando ainda mais as capacidades do A330neo tem o lançamento de uma versão de maior alcance, com um aumento de nove toneladas métricas para o peso máximo de decolagem, para 251 toneladas métricas. Isso proporciona até 1.500 milhas náuticas de alcance a mais do que as atuais A330 em serviço, permitindo que as companhias aéreas abram novos mercados, ao mesmo tempo em que melhoram radicalmente a eficiência econômica das aeronaves, acrescentou Hamilton.

1 COMENTÁRIO

  1. É uma aeronave promissora mas acho que só deslanchará nas vendas quando substituir definitivamente o A330CEO. Enquanto estiverem vendendo os dois, vai ser isso aí. E a concorrência é forte.

Comments are closed.