O Airbus A340-300 da Lufthansa danificado provavelmente deve ser transformado em sucata.

Uma aeronave vazia Airbus A340-300 de propriedade da Deutsche Lufthansa AG ficou bastante danificada depois que um rebocador de aviões que manobrava o avião no aeroporto de Frankfurt pegou fogo.

Cerca de 10 pessoas foram levadas para o hospital após inalação de fumaça, disse uma porta-voz da unidade de manutenção da companhia aérea Lufthansa Technik.

A divisão opera os veículos de reboque, ou ‘trator de pushback’, da marca Leos em Frankfurt.

O avião tinha chegado pelas 07h10 hora local de um voo transatlântico, com origem na cidade de Atlanta, na Geórgia (EUA), no voo LH445.

Momento que o fogo consumia o rebocador de aeronaves no aeroporto de Frankfurt. (Foto: Twitter / @markhellemans)

Após o desembarque de todos passageiros, foi transferido sem passageiros a bordo, em preparação para operar o voo LH426 para a Filadélfia (EUA). Um avião de reserva foi usado para a rota, e o voo saiu no horário, já que é um serviço vespertino, disse um representante da Lufthansa.

O incidente não causou atrasos ou cancelamentos no aeroporto, disse um porta-voz da Fraport AG, a operadora em Frankfurt.

Fotos nas mídias sociais mostravam o rebocador em chamas sob o cockpit do avião e a área sob o cone do nariz carbonizada e coberta de fuligem. As portas dos compartimentos de bagagem e da entrada dos passageiros estavam abertas, o que facilitou a propagação do fogo.

O incêndio foi combatido por funcionários da Lufthansa e pelos bombeiros do aeroporto. (Foto: Twitter / @markhellemans)

O incêndio, cujas labaredas foram bem visíveis em diversas partes do aeroporto, incluindo nos portões de embarque onde os passageiros aguardavam os seus voos, foi combatido por funcionários da companhia aérea com extintores portáteis e depois pelos bombeiros aeroportuários.

A aeronave, registrada como D-AIFA, foi batizada com o nome da cidade alemã de Torsten. O avião foi entregue em 2000, e provavelmente será transformada em sucata ao invés de ser consertada. Com 18 anos de serviço faz parte de um lote de aeronaves que a companhia alemã irá dispensar em breve, pois serão substituídas pelos novos e mais eficientes Airbus A350.

Avião ficou danificado após incêndio em veículo que o rebocava nesta segunda-feira (11) no Aeroporto de Frankfurt, na Alemanha (Foto: Boris Roessler/dpa via AP)

No final da tarde de segunda-feira, em Frankfurt, técnicos da companhia admitiram que o avião seria retirado da frota já que a estrutura frontal da fuselagem e todo o cockpit terão que ser substituídos, e o investimento para o conserto não valeria a pena.

6 COMENTÁRIOS

  1. Acredito que mesmo sendo um modelo que irá dar baixa nos próximos anos na companhia, os motores e grande parte da aviônica será retirada e irá para os estoques de peças da empresa. Somente a "lata" em si do avião será sucateada.

  2. Li em outro site que o trator era da própria Lufthansa, aí só o seguro – se for o caso – vai pagar o estrago. Se fosse da administradora do aeroporto quem sabe rolava uma grana a mais de indenização.
    E ela já estava pensando em parar esses A340 mesmo…
    É, vai pro desmanche esse ai, e peças para as prateleiras…