A carenagem do motor de um 777-200 da United se soltou durante um voo de San Francisco para Honolulu.

Uma aeronave Boeing 777-200 da United Airlines perdeu uma grande parte da carenagem (cowling) de um de seus motores quando voava em direção ao Aeroporto Internacional de Honolulu, na terça-feira, dia 13 de fevereiro. A aeronave pousou com segurança 40 minutos após o ocorrido.

Nas imagens publicadas em mídias sociais, é possível ver um dos motores faltando grande parte da carenagem externa, à medida que o avião se aproxima de Honolulu. O vídeo mostra o motor com partes da tampa batendo com a força do vento.

O Boeing 777-200, matrícula N773UA. (Foto: @Satcomo_Guru / Twitter)

O Boeing 777 estava realizando o voo 1175, entre San Francisco e Honolulu, quando em voo ocorreu o incidente. A aeronave pousou no Havaí com segurança e todos os passageiros desembarcaram diretamente no finger do aeroporto, informou a United em um comunicado.

“Nossos pilotos seguiram todos os protocolos necessários para pousar com segurança a aeronave”, informa o comunicado.

Após o pouso, as equipes de emergência esperavam nas proximidades, disse o porta-voz do Departamento de Transportes do Havaí, Tim Sakahara.

Após o pouso com segurança, inspetores da FAA iniciaram a avaliação da aeronave. (Foto: Haley Ebert via AP)

O piloto declarou emergência devido a vibração no motor direito (que perdeu a carenagem), disse o porta-voz da Administração Federal de Aviação (FAA), Ian Gregor, acrescentando que a agência investigará o incidente.

O Boeing 777-200 (matrícula N773UA, MSN 26929) possui dois motores Pratt & Whitney PW4077, e foi entregue novo para a United em janeiro de 1996. Até o momento registrou 89.142 horas de voo e 16.221 ciclos (dados até novembro de 2017), conforme banco de dados da Flightglobal.

Anúncios

3 COMENTÁRIOS

Comments are closed.