O primeiro CC-295 SAR da Força Aérea Real Canadense, após receber sua pintura definitiva.

O primeiro Airbus C295, adquirido pelo Governo do Canadá para o programa de substituição de aeronaves de asas fixas de busca e salvamento (FWSAR) da Força Aérea Real Canadense (RCAF), saiu do hangar de pintura exibindo sua pintura final nas instalações da Airbus em Sevilha, Espanha.

A aeronave C295 canadense, a ser designado CC-295 pela RCAF, passará agora pela fase de preparação final antes de sua entrega ao cliente, planejada para ocorrer na Espanha antes do final do ano.

A aeronave adota o esquema de tinta amarela seguindo a tradição definida na década de 1970 para aeronaves de Busca e Salvamento, dando alta visibilidade para as pessoas no ar e no solo.

O contrato, concedido em dezembro de 2016, inclui 16 aeronaves C295 e todos os elementos de suporte em serviço, incluindo serviços de treinamento e engenharia, a construção de um novo Centro de Treinamento em Comox, Colúmbia Britânica e serviços de manutenção e suporte.

A aeronave será baseada onde atualmente estão localizados esquadrões de busca e salvamento: Comox, British Columbia; Winnipeg, Manitoba; Trenton, Ontário; e Greenwood, Nova Escócia.

Um progresso considerável foi feito desde que o programa FWSAR foi anunciado há dois anos e meio: a primeira aeronave deve ser entregue na Espanha nos próximos meses; outras seis aeronaves estão concluindo os testes de vôo ou em várias etapas da montagem final; e sete simuladores e dispositivos de treinamento estão iniciando testes preliminares de aceitação.

As primeiras equipes da RCAF começaram a treinar no final do verão de 2019 no Centro de Treinamento Internacional da Airbus em Sevilha, Espanha.

Anúncios