Pegas Fly VP BZH Embraer ERJ 190LR 44258198052 - Incidente com Embraer E190 na Rússia
Aeronave Embraer E190 (VP-BZH) da Pegas Fly, em foto meramente ilustrativa. (Foto: Anna Zvereva)

Uma aeronave Embraer E190 (ERJ-190LR) que se preparava na Rússia para um voo nesta sexta-feira para Magadan, pegou fogo em um dos motores no pátio do aeroporto de Khabarovsk Novy, informou o serviço de imprensa do Ministério Público dos Transportes do Extremo Oriente Russo.

“Por volta das 7h45 horário local (12h45 horário de Moscou), ao se preparar para o voo EO661 de Khabarovsk para Magadan, um motor da aeronave Embraer-190 da companhia aérea Pegas Fly pegou fogo quando foi acionado. O fogo foi localizado pelos serviços do aeroporto. Dezoito passageiros e cinco tripulantes foram evacuados, ninguém ficou ferido”, afirmou o serviço de imprensa.

A tripulação de voo tentou dar partida no motor esquerdo da aeronave E190 (prefixo VP-BZH), mas ele não funcionou. O motor direito foi iniciado normalmente e a tripulação tentou o arranque a frio (temperatura do ar exterior -9°C) no motor esquerdo. Mais uma vez, não acionou. A terceira tentativa foi bem sucedida, porém ocorreu um incêndio no motor. O capitão aplicou a primeira garrafa extintora, mas um observador do solo confirmou que o fogo não havia sido extinto. Ele então ativou a segunda garrafa, mas as chamas permaneceram visíveis.

O capitão ordenou a evacuação dos passageiros usando escorregadores. Os passageiros foram realocados em um voo operado pela companhia aérea Avrora.

O responsável do Ministério Público dos Transportes do Extremo Oriente, Vitaly Kaplunov, visitou o local do incidente e ordenou que fossem investigadas possíveis violações das medidas de segurança de voo.

Os jatos E190 e E195 são movidos por motores GE CF34-10E, fabricados pela General Electric.

Anúncios