A Índia assinou contrato para compra de mais um lote de mísseis ar-ar R-27 no valor de cerca de US$ 218 milhões.

Os mísseis russos, com um alcance maior, dariam uma capacidade adicional aos Sukhois Su-30MKI para enfrentar aeronaves inimigas a longas distâncias”, disseram fontes do governo.

O R-27 é um míssil ar-ar de médio a longo alcance desenvolvido pela Rússia para sua série de caças MiG e Sukhoi.

Nos últimos 50 dias, a Força Aérea da Índia (IAF) assinou acordos para a aquisição de equipamentos sob exigências de emergência aprovadas pelo Ministério da Defesa. Além das armas, a IAF adquiriu um grande número de peças sobressalentes.

As ações da IAF, bem como do Exército indiano, é o resultado dos combates recentes na região de Pulwama, na fronteira com o Paquistão, onde a Índia perdeu um MiG-21 abatido – possivelmente – por um F-16 do Paquistão.


Com informações de The Economic Times.

Anúncios

5 COMENTÁRIOS

  1. 1000 unidades somados 300 de R-73 , 400 R-77 e 300 de R-27, fato interessante a Índia gastar dinheiro com mísseis russos tradicionais e antigos, e não se interessar pela evolução dos mesmos que são muito superior como o R-74 e o K-77, deve ser muito caro ou os Russos não exportam os mísseis que vão equipar o Su-57…