Airbus C-295.

A Índia deve dar a última aprovação ao contrato de US$ 1,7 bilhão para adquirir 56 aeronaves de transporte militar C-295 como um substituto para a envelhecida frota Avro da Força Aérea Indiana (IAF).

“O extenso Comitê de Ensaios e Negociações de Contratos (CNC) terminou toda avaliação. O Conselho de Aquisição de Defesa (DAC) assumirá este mês o projeto para aprovar certos desvios antes de enviá-lo ao comitê de segurança do gabinete para a aprovação final”, disseram fontes citadas pelo Times of India no dia 8 de julho.

Em maio de 2015, o DAC aprovou uma proposta da Airbus Defence & Space e de seu parceiro indiano, o Tata Group, para adquirir a aeronave C-295. Sob o presente acordo, 16 aeronaves serão construídas pela fabricante de equipamento original (OEM) Airbus e os 40 restantes serão construídos no país pela fabricante indiana Tata sob transferência de tecnologia.

A IAF supostamente fez alterações em alguns dos parâmetros anteriores, e a proposta foi apresentada para aprovação pelo DAC.

Este acordo tornou-se ainda mais crítico à medida que um projeto separado para co-desenvolver e produzir uma aeronave de médio porte (MTA) de 20 toneladas com a Rússia para substituir o An-32 em serviço foi descartado após discussões iniciais sobre o projeto. Os An-32, a frota pilar de transporte da IAF, estão atualmente sendo melhorados através de um acordo de US$ 400 milhões finalizado com a estatal Antonov da Ucrânia em 2009.

Anúncios

2 COMENTÁRIOS

  1. " O DAC assumirá o projeto para aprovar certos desvios"
    Oi?!?!

    E para aqueles que dizem Índia e Rússia são parceiraços, mais um projeto em conjunto do qual eles pulam fora.

    A Índia é um ótimo cliente, compram em quantidade, e são inteligentes ao exigirem parte da construção feita por suas empresas, porem deveriam contratar especialistas de outras FA para ajudá-los a administrar seus recursos com eficiência pois como vemos corriqueiramente, é o velho samba do crioulo doido. E o desleixo parece ser cultural pois obras de engenharia civil desabando por lá são algo que fazem parte do cotidiano deles.

    • Na verdade até a Rússia pulou fora, pois não leio mais sobre o suposto projeto do IL-276, na Wiki diz que vai voar em 2023, mas duvido…
      E os Indianos não podem esperar pois os An-32 já passou da hora de aposentar, quem perdeu nesta foi os Ucranianos, ofereceram o An-132 (modernização profunda do 32 ) mas os Indianos não quiseram…

Comments are closed.