Primeiro AW159 da Marinha das Filipinas. (Foto: Kevin Wills)

O primeiro helicóptero Leonardo (AgustaWestland) AW159 Lynx Wildcat destinado para unidade anti-submarino da Marinha das Filipinas começou seus voos de testes no Reino Unido.

“Como confirmado pelo Comandante do Grupo de Aviação Naval, o AW-159 acaba de iniciar o voo de teste inicial como parte dos testes da fabricante. Ele ainda está programado para uma série de voos de teste antes de agendar sua transferência para as Filipinas. Para o comando, o voo sinaliza a conclusão da primeira unidade”, disse o porta-voz do departamento de defesa, Arsenio Andolong, em mensagem de texto para a agência filipina de notícias (PNA) na terça-feira.

O primeiro AW159 da Marinha Filipina visto no pátio da fabricante Leonardo no Reino Unido. (Foto: pasty_1955/ Flickr)

A Marinha está adquirindo dois helicópteros AW-159 por US$ 102 milhões, incluindo munição, equipamentos essenciais para a missão e suporte logístico integrado.

O AW159 Lynx Wildcat, é uma versão melhorada do helicóptero militar Westland Super Lynx.

O helicóptero, que foi encomendado para a Marinha Real e o Exército Britânico, é capaz de atingir velocidades de 291 km/h, e tem um alcance de 777 km, e uma autonomia de uma hora e meia (quatro horas e 30 minutos se equipado com combustível auxiliar).

O AW159 também pode ser armado com foguetes, metralhadoras, mísseis, torpedos e cargas de profundidade.


Fonte: Philippines News Agency

8 COMENTÁRIOS

  1. Olá,
    Pq o escapamento das turbinas do AW159 é voltado para cima, para às pás? isso propicia melhor características de voo em comparação aos demais modelos que tem voltado para fora ou pra trás? Alguém pode dar um help?
    Obrigado

    • Para diminuir a assinatura térmica porque os gases quentes são imediatamente dissipados pelas pás. No Comanche a saida dos gases foi direcionada para o rotor de cauda com este objetivo. Mas em relaçao a performance de voo nao muda nada.

    • Pode ser para reduzir a assinatura infravermelha, uma vez que o calor gerado pelo escapamento das turbinas acaba por facilitar o travamento de alvo pelos mísseis guiados por infravermelho (calor).

  2. Os ingleses, em várias áreas, usam até o osso suas criações… Sinal que o então projeto GKN WG.31 se mostrou excelente.

    E durante sua vida operacional, esse ex-Westland Lynx naval passou por tantas melhorias que fiz uma associação mental, descompromissada, com o carro esporte compatriota Lotus Esprit — que, a partir do Turbo de 1976, chegou datadão ao V-8 de 2004, sem perder sua "moral"… 🙂

Comments are closed.