Após perder dois tanques externos de combustível em voo, jato K-8 da Força Aérea de Gana retorna em segurança para Base Aérea de Accra. (Foto: Força Aérea de Gana)

A Autoridade de Aviação Civil de Gana (GCAA) disse que um avião K-8 da Força Aérea de Gana perdeu os tanques externos de combustivel sobre Adenta, um subúrbio de Accra, por volta do meio-dia dessa quarta-feira, mas conseguiu pousar em segurança na base da Força Aérea de Accra.

“A Força Aérea de Gana irá conduzir as investigações sobre o assunto para determinar a causa da separação dos tanques da aeronave”, afirma o comunicado, acrescentando que detalhes técnicos e informações seriam comunicadas pela Força Aérea de Gana.

Num outro desenvolvimento, as Forças Armadas de Gana (GAF) confirmaram que dois tanques externos de combustível de um treinador a jato K-8 da Força Aérea de Gana cairam da aeronave em voo sobre Adenta, durante um voo de treinamento de rotina na manhã de quarta-feira e não ocorreu um acidente de uma aeronave do tipo, tal como alegado.

O Diretor de Assuntos Públicos da GAF, o coronel M’Bawine Atintande, disse para Agência de Notícias de Gana (GNA) numa entrevista que a causa do incidente não pode ser imediatamente verificada até que a investigação sobre o assunto seja realizado e disse que não houve acidente ou perda de propriedade com o ocorrido.

O K-8 é um treinador avançado a jato conjuntamente concebido e produzido pelo Complexo Aeronáutico do Paquistão (PAC) e pela Empresa de Fabricação de Aeronave Nanchang da China (NAMC).

Gana adquiriu quatro dos jatos como um troca por uma aeronave presidencial Gulfstream.

O Coronel Atintande disse que o avião, que originalmente possui quatro tanques de combustível pode ser equipado com dois tanques adicionais para voos mais longos ampliando seu alcance, afirmando que eram esses dois tanques adicionais que cairam da aeronave durante o exercício de treinamento.

A aeronave havia retornado à Base da Força Aérea Accra, sem danos ao equipamento e os tanques de combustível haviam sido recuperados pelo pessoal da GAF.

A GAF, disse ele, iria emitir um comunicado oficial sobre o assunto.

Fonte: GNA – Tradução: Cavok

Anúncios

24 COMENTÁRIOS

  1. Bem, pelo menos não matou o piloto asfixiado como aconteceu com um F-22 Raptor, dos States. Preciso dizer mais , alguma coisa?
    Acidentes acontecem, pô!

Comments are closed.