A SyberJet Aircraft concluiu o funcionamento de motores em alta potência do seu novo jato leve SJ30i, já tendo realizado os testes de táxi e antecipando o primeiro voo para esta semana a partir de sua instalação de testes de voo em San Antonio, Texas. A aeronave de teste, N50SJ, é um modelo 2005 modificado do SJ30-2.

O SJ30i apresentará um novo interior e uma suíte aviônica “Sybervision” atualizada, alimentada pelo sistema Honeywell Primus Apex 2.0 com telas de 12 polegadas. O interior e a aviônica são mais leves que seus progenitores e diminuem cerca de 200 libras do avião.

Uma aeronave subseqüente, o SJ30x, apresentará motores Williams International FJ44-3AP-25 aprimorados com controles FADEC duplos e deverá fornecer uma variedade de benefícios de desempenho, incluindo maior velocidade de cruzeiro em altitude, subida mais rápida, mais carga útil e melhor desempenho em locais altos e quentes. Ele também contará com reabastecimento de ponto único.

O programa SJ30 começou no final dos anos 80 e o SJ30-2 finalmente recebeu a certificação FAA em 2005. Desde então, a empresa teve vários proprietários corporativos diferentes e apenas oito exemplares do jato de sete lugares, que pode voar em Mach 0,83 com alcance de 2.500 nm, foram produzidos. O atual proprietário da SyberJet, Metalcraft Technologies, comprou a empresa da falência em 2011. A SyberJet planeja transferir a manufatura para suas novas instalações no Aeroporto Regional de Cedar City (Utah), com o primeiro avião de produção planejado para sair dessa linha em 2020.

A aeronave possui três recordes mundiais em velocidade e distância. Ele foi projetado com uma asa para alta velocidade e cruzeiro eficiente e com slats e flaps otimizados para aproximações de baixa velocidade. O SJ30 tem um teto de serviço de 49.000 pés, mantém uma cabine no nível do mar a 41.000 pés e é aprovado para operações com um só piloto.

Anúncios